Mangá de Akira será relançado no Brasil… ou não!!!

Yo!

Não há dúvidas sobre isso, amiguinhos! Bora ver!

Akira será relançado no Brasil. Algum dia. Não hoje, talvez não amanhã. Mas será, não resta dúvidas. Afinal, é óbvio que as editoras brasileiras estão sedentas pelo mangá de Katsuhiro Otomo. Já faz anos que estão! Um dia, isso há de se tornar realidade. Não hoje. Não amanhã. Mas um dia.

Verdade seja dita, ninguém precisa de fontes pra afirmar isso. Todos nós sabemos. Ninguém precisa saber dos bastidores pra afirmar isso. Afinal, é óbvio! Também é óbvio que a Panini irá publicar Pluto, de Urasawa. Um dia, não hoje. Não amanhã. Mas é claro que irá, não precisamos de confirmação da editora pra saber disso.

Mas isso é fato? E se a Kodansha estiver segurando Akira e os resultados de venda de Urasawa não forem tão bons quanto imaginamos? Será que é fato? Ou será que vale a pena esperar um pouco do que soltar isso sem fonte alguma? Verdade que o mundo dos animes e mangás anda meio fraco pra notícia, eu mesmo tive que requentar o post do Miyazaki… Mas…

EDITORA JBC NÃO PUBLICARÁ MANGA SOBRE A VIDA STEVE JOBS – Leia pra entender!

Esse negócio de criar polêmicas tá parecendo aquele lance dos caras jogando Pokemon via internet em um save só. Falta do que fazer coletiva.

MAS! Como o XIL é um blog que se preza, eu precisava participar disso, não é? Então, podem espalhar esse post, me deem a atenção que eu preciso (e os números de acesso, se possível me mande dinheiro também) e espalhem mais uma bobagem na internet. Afinal, tá difícil buscar notícia relevante no universo dos otakus até chegar mais perto do Oscar.

Em tempo: a Kodansha parece que não está negociando os direitos de Akira ou Ghost in the Shell. Uma pena, eu adoraria traduzir qualquer um dos dois ou ambos os doises. Ou três, já que tem o Ghost in the Shell: Manmachine Interface.

ATUALIZAÇÃO

PS: Quem não entendeu (ou não abriu o link pro Gyabbo!), todo mundo pode afirmar qualquer coisa, ainda mais quando é óbvio. Os contratos de autores costumam ficar todos em uma empresa dentro de uma área de atuação. Por exemplo, material do Takeshi Obata sai pela JBC, então não é loucura assumir que All You Need Is Kill sairá no Brasil, algum dia, por ela. Mas é loucura assumir hoje. A série é nova, o autor pode ter que parar ela no meio e o Brasil não tem muitos exemplos de material que fechou contrato antes da série ter um número mínimo de volumes pra poder manter uma periodicidade.

Se a JBC fechou contrato mesmo, foi alguma loucura ou por obrigação. Por exemplo, se outra editora demonstrou interesse e a licenciante pressionou. O que eu não acredito que seja o caso. Um contrato tem tempo para expirar, em geral cinco ou dez anos. Então costuma ser fechado quando o material está pronto pra ser publicado e Jobs tá longe disso, um volume e não se sabe quantos mais virão, leva um ano pra cada novo… Pro modelo adotado no Brasil pra publicação de mangás, o título tá verde demais. Melhor esperar.

Se a editora diz que não, quem tem a obrigação de provar é quem afirma e não quem nega.

VIDEO QUEST 62 PT. 2 – ONE PIECE [EAST BLUE] E A GÊNESE DA LENDA – com notinha sobre Akira