Temporada de Inverno 2012/2013

E o blog Gyabbo! está de volta! Depois de quase dois meses sem acesso à internet, finalmente tudo parece normalizado na minha nova moradia e os trabalhos podem continuar.

Sei que estou bastante atrasado, mas não poderia deixar esse post – que sempre um dos meus favoritos – passar, mesmo que algumas séries já tenham começado. Assim, trago a vocês o grande post das minhas apostas para a temporada de Inverno 2011/2012!

 tamako1 copy

Para quem ainda não conhece, o post está dividido em seis categorias:

  • Grandes Apostas: Esses são os animes que eu com certeza irei conferir e onde coloco as minhas fichas para serem os melhores da temporada;
  • Prometem Muito: São animes com grande potencial e que provavelmente também serão bons, mas sem tanta segurança quanto os da categoria anterior;
  • Podem ser bons, mas não tenho certeza: Nesta categoria estão os animes ainda com potencial, mas que por um motivo ou outro trazem uma certa desconfiança;
  • Milagres acontecem: Animes com temas que não me agradam, com estúdios sem currículo, escolhas técnicas questionáveis são as características das séries dessa categoria. Mas ainda assim, há sempre a possibilidade de um milagre acontecer…
  • Sobre continuações e similares: Tem que explicar? Aqui ficam as séries que estão recebendo suas continuações, remakes, spin-offs etc;
  • Er… não (animes que prefiro ignorar: Por último, séries que não me dão nenhuma vontade de assistir, normalmente os ecchis mais explícitos e os animes mais infantis.

Então, sem mais delongas, que comecem as apostas! 

Grande Apostas

Bakumatsu Gijinden Roman (08/01)

Bakumatsu Gijinden RomanE começamos as apostas dessa nova temporada de inverno com um grande nome: Monkey Punch, autor do cultuado Lupin III (além de Cinderella Boy que chegou a passar no Brasil pela Animax).

Ambientada no final do período Edo na então capital Kyoto, conta a história de um homem chamado Manjiro que durante o dia ajuda as pessoas com seus problemas no dia-a-dia, mas durante a noite veste a identidade de Roman, sendo responsável por trazer de volta objetos e posses importantes tiradas das pessoas por ingerências políticas, o que levará o personagem a entrar em grandes conspirações que cercam a o Japão nesse período tão caótico de sua história.

Produzido pelo TMS Entertainment, mesmo estúdio responsável pela animação da franquia Lupin, promete uma história de ação, conspirações e um pouco de comédia dentro de uma boa ambientação histórica.

Kotoura-san (11/01)

Kotoura-sanApesar de aparentar um pouco bobinho, essa nova série do estúdio AIC (El-Hazard, Amagami SS, Nyan Koi! e tantos outros) me fisgou fácil com uma premissa muito interessante:

Kotoura Haruka é uma colegial de 15 anos com a habilidade de ler a mente das pessoas, o que vem trazendo muitos problemas para sua vida, chegando a causar até a separação de seus pais. Por causa disso, ao chegar em sua nova escola, ela procura não se envolver com as outras pessoas, mas um de seus colegas de classe descobre e aceita seu poder, levando ela a uma mudança de comportamento que trará não só novas amizades, mas também o amor.

Simples, mas interessante, tem tudo para dar muito certo, ainda mais por contar com a direção de Masahiko Oota, o mesmo da primeira (e ótima) temporada de Minami-ke.

Prometem muito

Tamako Market

Tamako Market (10/01)

Depois do incrível Hyouka e do elogiado Chuunibyou, o estúdio Kyoto Animation busca continuar seus sucessos consecutivos com Tamako Market. Apesar de gostar muito do estúdio e estar de olho em qualquer coisa que eles façam, não dá pra dizer que estou super ansioso dessa vez. Um slice-of-life sobre uma colegial que ajuda na loja de mochi (uma espécie de bolo/massa feito de arroz) da família pode sim dar certo, mas não traz a empolgação que as séries anteriores trouxeram.

Maoyuu Maou Yuusha (04/01)

Esse na verdade já estreou e o que andei lendo das reações ao primeiro episódio não foram muito positivas, mas como estou fazendo esse post às cegas, vou classificar de acordo com meu “instinto”.

Apesar de vir de um estúdio especializado em obras voltadas ao fanservice (Queen’s Blade e Ikkitousen por exemplo), o estúdio Arms, e não esconder isso nos trailers apresentados, a proposta de um mundo em guerra com demônios onde aquele que deveria ser o grande herói que colocaria fim a tudo isso é convencido que na verdade essa guerra só trouxe bem para o humanidade e que por isso resolve ajudar a rainha dos demônios parece uma ideia boa demais para se jogar fora.

Podem ser bons, mas não tenho certeza

Hakkenden Touhou Hakken Ibun

Hakkenden: Touhou Hakken Ibun (05/01)

Estúdio DEEN é sempre aquela preocupação… não dá pra saber exatamente quando vão realmente fazer algo bom. Em Hakkenden a situação é ainda mais obscura quando temos órfãos perseguidos por uma grande igreja em busca de um poder ancestral. Pode dar certo e ser um bom anime de ação? Pode, mas soa tão genérico que é difícil apostar nele.

Ishida to Asakura (06/01)

Comédia pastelão ao extremo. Vejam só o traço, O TRAÇO!!! De um gag manga sobre dois colegiais sem muitas ideias na cabeça esse traço faz muito sentido. Pode ser hilariante ou cair para algo exageradamente chato.

[email protected] (11/01)

Sinto que algumas pessoas vão querer minha cabeça por colocar a nova obra do estúdio SHAFT nessa categoria (apesar de que pior vai ser quando virem em que categoria ficou Vividred Operation…), mas mesmo respeitando muito o estúdio não consigo engolir facilmente esse anime. Lolicon e Siscon são coisas que eu prefiro ficar longe. Não fosse o estúdio e o diretor Akiyuki Shinbou, nem olharia.

Yama no Susume (02/01)

K-ON! das montanhas! Brincadeira (falando nisso, já passou a moda de chamar os slice-of-life’s com quatro/cinco garotas em um clube de K-ON *insira aqui o tema do clube*?), não tem nada de K-ON! tirando o moe. Pra ser sincero eu achei bem interessante para um anime de três minutos por episódio onde as duas protagonistas, sendo uma extremamente tímida, vão escalar (ou tentar) montanhas por aí.

Vai, é inofensivo.

Cuticle Tantei Inaba (04/01)

Meio humano, meio lobo, Hiroshi Inaba é um detetive particular que ganha poderes especiais de acordo com os diferentes tipos de cabelo que ele come, além de ter um fetiche por eles. Seu objetivo de vida? Prender o grande vilão Don Valentino, um bode sedento por dinheiro (porque ele come as notas mesmo).

Tão insano que pode dar muito certo!

Ore no Kanojo to Osananajimi ga Shuraba Sugiru (05/01)

Eita Kidou (já podem começar as piadinhas) é um jovem colegial que tem o sonho de cursar medicina na faculdade e para isso desiste de qualquer coisa relacionada com o amor. No entanto, sua vida vira uma grande bagunça quando a garota mais bonita do colégio resolve que ele será seu namorado, causando inveja na amiga de infância do nosso protagonista.

Até vejo potencial nessa comédia romântica, muito mais do que em Sasami-san, por exemplo, e duvidar do estúdio A-1 Pictures nunca é uma boa ideia, mas todo esse formato de harém colegial está tão saturado para mim que a série terá que mostrar realmente altas qualidades para se sobressair.

Love Live!: School Idol Project (06/01)

Depois do sucesso de The [email protected] o filão de animes sobre idols foi realmente aberto. Aqui temos uma escola prestes a fechar já que ninguém mais está se matriculando nela. Para mudar essa situação nove garotas resolvem formar um grupo de idols, buscando chamar atenção e salvar o colégio.

Sunrise fazendo anime de idol… porque nem acho isso tão estranho?

Senyuu. (08/01)

Aventura e ação em episódios de cinco minutos com direito a música tema do Jam Project nesse mais novo anime do novato estúdio Order (lembram de Black Rock Shooter?).

Um grande demônio volta à Terra depois de mil anos selado por um lendário herói e um dos seus descendentes terá que devolver o mal para o seu lugar.

AMNESIA (07/01)

Baseado em um otome game lançado para PSP lançado em 2011, a nova série do estúdio Brains Base tem como premissa uma jovem que acorda completamente sem memórias e sai em busca do seu passado com a ajuda do espírito Orion, enquanto isso ela obviamente vai encontrar alguns belos rapazes no meio desse caminho.

Gosto da ideia da amnésia, mas depois do fracasso que foi Arcana Famiglia, prefiro ficar com os dois pés bem atrás antes de assistir esse anime.

Milagres acontecem

mangirl!Mangirl! (02/01)

Garotas fofinhas tentando de tudo para criar o maior manga de todos os tempos em episódios de três minutos!

Ai Mai Mi (03/01)

Garotas fofinhas tentando de tudo para criar o maior manga de todos os tempos em episódios de três minutos (2)! Só que aqui a comédia é mais escrachada e o dinheiro mais curto.

Good Job Club – GJ-Bu (09/01)

Um anime onde os personagens passam seu tempo de folga em um clube fazendo nada… onde eu já vi isso antes?

Mondaiji-tachi ga Isekai kara Kuru sou desu yo? (11/01)

Três garotas e um cara são levados para um mundo distante onde os monstros fazem as leis… Ok, quase isso. Eles são levadas para esse mundo pelo Black Rabbit para ajudar a salvar a comunidade de “No Name” das garras do maligno “Devil King”.

Sério, eu já nem tento mais tirar pontos positivos quando chega nessa categoria, dá não.

Sobre continuações e similares

Minami-ke TadaimaApesar dessa fraquíssima temporada, temos a felicidade de poder ver uma continuação para o ótimo Chihayafuru (11/01), algo que eu realmente não esperava que iria acontecer. Além dele, temos a quarta temporada de Minami-ke (05/01), mesmo depois do fracasso que foram as duas últimas temporadas, será que vão conseguir trazer de volta o charme da primeira? Haganai retorna (10/01) – o que era só uma questão de tempo -, mas dessa vez ficarei longe depois da decepção com a primeira temporada. Temos ainda o prequel de Bakemonogatari, Nekomonogatari, que foi lançado no dia 31/12 do último ano em um especial de duas horas como preparação para o filme (Kizumonogatari), contando a história de como Araragi conheceu a personagem Hanekawa (sério, primeiro vá assistir Bake e depois tente ver qualquer outra coisa da franquia do estúdio SHAFT).

Hetalia: The Beautiful World (25/01), Saki: Achigan-hen Specials (24/12/12), Milky Holmes Alternativo Two (31/12/12), Da Capo III (05/01), gdgd fairies Segunda Temporada (09/01), AKB0048 Next Stage (05/01), The Unlimited – Hyoubu Kyousuke (07/01)

Quanto a esses outros animes que são continuações, spin-off, prequel etc, não tenho como falar pois não tive contato com as obras anteriores.

Er… não (animes que prefiro ignorar)

Senran KaguraSenran Kagura (06/01), Boku no Imouto wa Osaka Okan (21/12/2012), Puchimas! (01/01), Doki Doki! Precure (03/02), Vividred Operation (10/01), Beast Saga (13/01).

É, acho que desde que comecei a acompanhar animes por temporadas essa foi facilmente a mais fraca inicialmente. Realmente espero errar muito e encontrar vários animes ótimos, mas sinceramente minhas esperanças para isso são muito baixas. Acredito até que fui generoso com o número de animes na categoria “Podem ser bons, mas não tenho certeza”, provavelmente por um lado meu torcer que as coisas melhores quando as séries estrearem.

Mas agora quero saber a opinião de vocês, quais são os animes que vocês pretendem assistir? Quais vocês acham que serão os mais fracos? Qual será a maior decepção? E, se vocês tivessem que ver só um anime, qual seria?

Os comentários são de vocês!

Não deixe de conferir no blog parceiro Argama uma lista completa com os trailers trailers de todos os animes!

Quer ler outras apostas para essa temporada? Confira nos links a seguir:

– Anikenkai

– Elfen Lied Brasil

Netoin!

E o blog Gyabbo! está de volta! Depois de quase […]

34 thoughts on “Temporada de Inverno 2012/2013”

  1. Eu consegui gostar de alguns, n achei a temporada tão fraca assim. Pela primeira vez me deu vontade de v um anime Idol com Love Live, gostei dos 2 shoujos da temporada. KyoAni sempre da vontade de conferir, 2012 foi mto bom p eles e gostei da ideia de Maoyuu Maou Yuusha , Eita Kidou na verdade n doeu mas parece legal -q Caso fosse escolher apenas um p acompanhar, sem dúvida ChihayaFuru *-*

  2. Eu estava bem perdido nessa temporada, que realmente tá bem fraca, mas vou tentar acompanhar alguns ou ver depois em maratona.

    – Kotoura-san – Gostei da premissa, mas será um anime mais comédia?
    – Tamako Market – Semprei gostei do estúdio Kyoto pelos slice-of-life, e VIDA AO MOCHI!
    – Maoyuu Maou Yuusha – Desde quando vi a primeira sinopse fui com a cara e a promessa de fanservices muito me agrada, alta possibilidade de acompanhar em dia.
    – Yama no Susume – Parece engraçado e inocente e são 3 minutos por episódio, isso dá algum lucro para quem fez?
    – Cuticle Tantei Inaba – Só vou ver pela galhofa do bode maligno, coisa bizarra!
    – AMNESIA – tema interessante, mas acompanhar semanalmente pode ser uma tortura, talvez melhor maratonear depois para evitar amnesia semanal.
    – Chihayafuru 2 – está na minha lista para posterioridade, nem vi o Chihayafuru 1 ainda.
    – Nekomonogatari – Prequel de Bakemonogatari que eu acho muito bom.
    – Senran Kagura – Gostei do Character design, vejamos se a história compensa.

    1. História em Senran Kagura? Só não digo que não tem por ser meio difícil de se concentrar na história com tanta…”história” pra observar,o famoso PLOT…então pode ser até que tenha, mas eu não vi não. heh.

      Senran Kagura é baseado num beat em up em 3DS que foi feito unicamente pq o diretor queria ver peitos em 3D. Pelo que vi do primeiro episódio é a mais fiel adaptação de um jogo para anime já feita.

  3. Eu acho que é cedo ainda pra definir quais serão os potenciais dessa temporada, mas claro, sempre pode haver surpresas, tanto boas como ruins, Maou começou muito bom, o que eu não esperava, e Cuticle já foi totalmente o contrário do que eu imaginava, negativamente falando. Só depois de uma análise do primeiro episódio é que podemos saber quais serão os grandes nomes da temporada.

    Não tem nenhum nome de peso que me faça acompanhar até o final sem ligar para direção e etc, mas ainda bem que animes como Little Busters e Robotics;Notes ainda continuam, esses sim vou levar até o final.

    1. Sim, é cedo pra saber se realmente será bom ou ruim, por isso é um post de apostas… depois vem os de primeiras impressões e por fim o de conclusão. Aqui é uma diversão, mesmo que você não possa dizer com certeza, cria uma expectativa em cima dos títulos com suas sinopses, estúdios, traços etc.

      Gyabbo!

  4. É… O jeito é aproveitar essa temporada pra ver animes mais antigos. Só me senti atraído por Tamako Market, (por causa do estúdio na verdade). Nas continuações estamos bem com Chihayafuru e Nekomono.

  5. Vou ficar de olho nas primeiras impressões para ver se me empolgo com mais alguma coisa, mas por enquanto é só Bakumatsu Gijinden Roman e Chihaya. Nunca fui muito fã de slice of life, e os animes de aventura/fantasia da temporada são tão clichês que chega a dar sono… Oh well, é uma boa oportunidade para assistir/ler séries mais antigas, pelo menos.

  6. Olha, eu até gosto de slice of life bobinho e etc, mas essa temporada é backlog season. Vou dar uma olhada em Tamako Market mas vou dropar na velocidade da luz se for chato. Além dele, só Haganai NEXT e Maou Yuusha (ouvi falar bem do mangá e light novels).

    Senran Kagura eu baixei o primeiro episódio por motivos científicos e talvez eu até baixe o resto se tiver sem nada pra fazer, mas not really interested. Nekomonogatari tenho que terminar de assistir Nise antes >:

  7. O jogo de “AMNESIA” é muito, muito bom e tem muitos momentos tocantes e surpreendentes. Arcana Famiglia foi realmente uma adaptação mal-feita, então espero que esse estúdio acerte com Amnesia. Queria poder dizer pra você dar uma chance pra história mas até eu estou com medo do rumo que o anime vai tomar.

  8. “Um anime onde os personagens passam seu tempo de folga em um clube fazendo nada… onde eu já vi isso antes?”

    Eu acho que deve ser esse: Koi to Senkyo to Chocolate kkkkkkkkkk

  9. Para quem quiser saber mais sobre Maoyuu Maou Yuusha pode assistir essa review em vídeo, mas já adianto que vale a pena:
    [Comentário editado pelo editor] Por favor não fazer um comentário apenas para propagandear algo, participe da discussão.

  10. Terminei de assistir o Mondaiji e me impressionei… um roteiro um tanto clichê, mas que mostra fortes traços de personalidade dos personagens e com uma acertada introdução de humor, mas que não chega perto de uma comédia. São crianças e adolescentes que, por necessidade, pensam como adultos, e eles amadurecem ao decorrer do anime. Ele passou de assistível para “tem potencial”. Agora espero que a season 2 cumpra esse potencial que eu espero.

  11. Nossa você parece odiar bastante k-on (ou então gostar sei lá kk) você sempre faz uma menção a ele, como falando sobre o clube que não faz nada, você pensou em k-on certo? Eu particularmente gostei desse anime, achei super cativante e envolvente, ri com ele, chorei com ele, cantei com ele, definitivamente superou minhas expectativas de que ia ser apenas mais um anime bobinho moe. Mas me diga, você gosta ou não gosta do anime?
    Beijos e ótimo blog, vou passar a acompanhar sempre (tô vendo todos os posts, desde os mais antigos haha)

Deixe sua opinião