E… Já era! – Comentando o final de Naruto

Atenção. Haverão spoilers do fim! Leiam por sua conta e risco.

Olá, amigos. Naruto acabou. Ainda vai ter um filme, uma mini-série e provavelmente um monte de outras coisas que servirão pra todo mundo ganhar o máximo de dinheiro possível, mas aquela série que nós acompanhamos durante todo esse tempo acabou. Eu confesso que estava muito ansioso esses dias pra ver o final. Dava refresh em qualquer notícia só pra saber mais se tinha algum detalhe ou coisa assim que havia perdido. Há muito tempo a série não me empolgava tanto e agora que tudo acabou, queria falar sobre tudo e mais um pouco. Essa é a saidera Naruto.

 

Eu não digo que cresci lendo Naruto, mas uma boa parte da minha vida eu tive esse amigo que me visitava toda quarta. Pra mim já era tradição e confesso que sentirei saudades de toda semana ter meu capítulo de Naruto pra ler e em seguida pensar “que droga!” ou “que enrolação” e mesmo com tanta reclamação continuar seguindo com o moleque. No fundo, no fundo, eu sempre tive meus problemas com a série, mas que sempre foram diminuidas pelo fato de que eu adorava aqueles personagens… Bem, alguns.

naruto2

O foco da série sempre foram as lutas e isso era claro, mas ver o envolvimento de cada um e como eles cresceram com a gente foi uma coisa que realmente fará falta. Shikamaru, Hinata, Rock Lee, Gaara, Sakura… Eu adorava todos esses. O meu preferido, por mais bizarro que pareça, sempre foi o Naruto. Pra mim, ele era o cara.

naruto3

Escrevendo aquela retrospectiva eu revi a série e é incrível ver como aquele moleque que era um bobalhão e só fazia besteira foi crescendo sempre. Lutando, se esforçando, valorizando as amizades e passando a ser um cara por quem as pessoas realmente confiavam. No começo ele só tinha uma torcedora, a Hinata, mas com o tempo passou a gerar uma legião de fãs por toda a vila e, no fim, pelo mundo todo. Muita gente sempre falou do “talk no jutsu” e realmente era verdade isso… Achava incrível ao ponto de ser absurdo o Naruto conversar com pessoas que tinham tido experiências terríveis que as deixou traumatizadas ao ponto de querer sacanear com todos e fazer elas mudarem de ideia, mas isso é o que o Naruto sempre foi e sempre será e é isso que o mangá sempre pregou. Lutas devem ser lutadas, mas a única forma de realmente vencer e você entender a pessoa com quem está trocando socos.

Ainda que isso seja feito de uma forma não tão competente pelo Kishimoto, eu acho que era isso que fazia Naruto ser algo especial. As pessoas da série falavam sobre como ele tinha um magnetismo que fazia as pessoas quererem ir com ele e só isso explica o porquê dele conseguir sair de tanta situação e levar tantas pessoas de volta pro lado dele. O cara era o máximo mesmo.

naruto5

Então ler esses capítulos e ver o moleque que queria ser hokage pra ser notado e respeitado pelas pessoas e com o tempo mantendo seu sonho, mas pra proteger a vila que seus mestres, amigos e irmãos amaram, chegando lá… Cara, isso realmente fez tudo valer a pena.

naruto4

Confesso que pra mim tiveram vários erros. Nunca entendi a fixação que o Naruto e a Sakura tinham pelo Sasuke, que fez parte do time deles e tudo, mas que viveu muito menos tempo ao lado deles do que grande parte dos personagens principais e teve muito menos interações positivas. Eu entenderia se o Naruto quisesse salvar um companheiro por achar o correto, mas continuar com aquela fixação (ainda que seja resultado da promessa que ele faz pra Sakura) era uma coisa que eu não engolia.

Olhando pra trás, tiveram muitos momentos que eu pensava “Nossa, isso tá horrível”. Sasuke como protagonista era algo difícil de engolir porque o cara era tão no canto dele que não deixava as coisas fluírem. Algumas lutas pareciam estar lá só pra encher linguiça e alguns personagens (especialmente na segunda fase) foram tão mal trabalhados que deixava a coisa meio chata. Por que se importar com alguém que vai sumir em breve? Era fogo.

naruto6

Mas o que eu penso no final é que as coisas aconteceram do jeito que deviam e esses capítulos finais fecharam bem. A mensagem de Naruto sempre foi a de nunca desistir de nada, seja as amizades ou sonhos e foi isso que ele conseguiu. Ele trouxe o Sasuke de volta. Eu nunca fui fã do Sasuke, mas acho que no fim ele se mostrou uma pessoa coerente. Sabia das coisas que tinha feito e sabia que não devia ser perdoado, por isso decidiu que devia ter uma visão melhor das coisas e sair por aí pra conhecer o mundo. Acho que não poderia haver final melhor pros dois.

E no fim temos uma visão do que vem por aí, o que certamente deixou muitas pessoas chateadas (não fui uma delas, viva Hinata!), mas que eu acho que as pessoas estão perdendo o foco do que realmente o final é. Não importa se o Naruto ficou com a Hinata ou com a Sakura ou até o Sasuke e isso vale pra todos, o que importa é o simbolismo da passagem do tempo e o que ficará pras próximas gerações. Pela primeira vez as crianças nasceram num mundo de verdadeira paz e terão que lutar pra manter isso, mas que foi trabalhado por aqueles que vieram antes e que elas certamente deixarão tudo muito melhor.

naruto7

Se o mangá tinha uma outra mensagem além de não desistir de nada, era a de que as próximas gerações sempre vão trabalhar sobre o que as anteriores fizeram e melhorar. Foi o que a geração de Naruto fez e será o que a geração do Boruto fará. Por mais que seja estranho ver que todo mundo ficou junto e teve cria, o que importa não é isso. O que importa é a perpetuação da vontade de fogo que foi o que levou todos a eles a enfrentarem as adversidades e que passará pra uma nova era de ninjas que forem defender a vila. Por isso que tínhamos que ver os filhos dos personagens. As crianças são o futuro  o que é uma parte da essência do mangá.

Sasuke ficando com Sakura, apesar de nunca entender o porquê dela gostar tanto dele, era algo que devia acontecer, já que não há prova maior do arrependimento do Sasuke que ele ficar com a pessoa que mais o amou e que mais sofreu por vê-lo tomar o caminho negro. A redenção dele nunca seria completa sem a Sakura.

naruto1

Assim como a Hinata, que nunca completaria o arco de superação dela se não ficasse com o Naruto, que era aquele que a incentivou a crescer como personagem e pessoa.

Claro, isso é só minha opinião. Acho que no fim o que importa não é nada disso, mas que apesar das aventuras de Naruto terem terminado, a vila da folha continua e continuará junto de cada fã ou nova história. Isso sim é um triunfo. Ainda que o caminho tenha sido tortuoso, Naruto chegou lá e nós fomos juntos dele. Isso é o que importa.

Sobre Fred

I'm a very twisted person. Gosto de animes e mangás por boa parte da minha vida e comentar sobre isso é sempre um prazer... Desde que eu tenha algo útil pra falar. Afinal, Dirac já dizia: "Eu não começo uma frase sem saber como ela vai terminar". Sou também um quimicuzinho que sabe falar bobagem o suficiente pra parecer inteligente.

Atenção. Haverão spoilers do fim! Leiam por sua conta e […]