Troca Debate #12: O melhor e o pior da temporada – Animes de Julho 2014

Hora de apresentarmos nossas opiniões sobre os animes da temporada de Julho. Nesse episódio acústico, e um pouco atrasado, comentamos sobre o que de melhor e de pior assistimos ao longo desses últimos meses. Aproveitamos a empolgação e falamos sobre o final de Hunter x Hunter também.

O lançamento dos nossos podcasts acontece quinzenalmente. Não deixe de comentar e mandar e-mails para sabermos o que vocês gostariam de ouvir por aqui.

——————————————————————————————————————————–

Ouça:

 

Download formato .mp3 (40mb)
(clique com o botão direito do mouse e escolha a opção “salvar destino como…” ou “salvar link como…”)

———————————————————————————————————————————

Assine o Troca Debate no iTunes
Acesse aqui: https://itunes.apple.com/br/podcast/troca-equivalente/

Adicione o nosso FEED no seu agregador de RSS
http://feeds.feedburner.com/trocaEquivalente

———————————————————————————————————————————

Participantes:

Livia, Teko e Wagner.

Cronologia:

Apresentação – (00:00:16)
Baby Steps – (00:01:34)
Gekkan Shoujo Nozaki-kun – (00:05:14)
Tokyo Ghoul – (00:10:32)
Barakamon – (00:14:59)
Ao Haru Ride – (00:18:46)
Hanayamata – (00:22:59)
Persona 4 The Golden Animation – (00:25:29)
Love Stage – (00:29:49)
Kuroshitsuji: Book of Circus – (00:32:41)
Tokyo ESP – (00:35:22)
Zankyou no Terror – (00:38:43)
Free! Eternal Summer – (00:41:54)
Hunter x Hunter – (00:44:26)
Recomendações – (00:55:53)

Fale Conosco:

Queremos saber sua opinião sobre o programa, isso é realmente importante! Podem ser críticas, elogios, dúvidas, poemas e xingamentos. Mande sua opinião pelos comentários, twitter, facebook ou pelo nosso e-mail: [email protected]

Hora de apresentarmos nossas opiniões sobre os animes da temporada […]

7 thoughts on “Troca Debate #12: O melhor e o pior da temporada – Animes de Julho 2014”

  1. Gostei dessa temporada,apesar de não ser mesmo a melhor do ano. Ao haru ride me chamou atenção por esse incomum relacionamento entre o casal,tendo que aceitar as mudanças radicais de suas vidas e não simplesmente tentar voltar no tempo e pronto.Pelo menos pra mim gerou cenas cômicas e algumas reflexões(?).Zankyou no Terror foi o melhor pra mim,também achei a motivação da five meio sem graça,mas pra um anime em 11 eps foi muito satisfatório.Tokyo esp foi o que menos gostei,sério,nenhum personagem me cativou e a história é clichê ao infinito.Tokyo Ghoul foi sensacional e épico,alegrando os fãs do manga,mas somente nos quatro minutos finais do último episódio 🙁 (e ainda vai ter segunda temporada dessa caca!)
    Tenho algumas menções que vocês não fizeram.Primeiro Space Dandy que foi uma categoria acima dos outros,por isso não vou contar como favorito,e o polêmico Aldnoah.Zero que foi bom.
    O Cast foi muito legal e estou esperando the next.FLW

  2. ae, tokyo esp…… esse sim foi um anime muito bom, por mim foi o melhor da temporada…..n vi muitos, mas pelo que todos falam, nao acho que possa ter um anime q tenha superado ele – desconsiderando barakamon, q todos falam q foi muito bom, mas geralmente n coloco slice of life em quesito de historia

  3. Eu estava esperando para alguém criticar também Zankyou no Terror, foi a maior decepção que eu tive, em questão de séries e animes, depois do episódio 5 o desenho teve uma queda de qualidade em quase todos os sentidos, menos na animação.

  4. Cara, Ao Haru Ride é genial! O anime não pega todos os pontos certos, o mangá ainda está em desenvolvimento, e tem muita história pela frente. Mas bem, falando do anime, os traços são ótimos, a dublagem é ótima (tirando a Futaba, detestei a voz dela), e a história é perfeita! Apesar de envolver alguns clichês de romance, ele envolve outras coisas que tornam a história muito mais intensa, como a morte da mãe do Kou, e como a Narumi usava a morte do pai dela e da mãe do Kou para se aproximar dele (soa meio doentio, né), e o descaso que a Futaba faz com o “amor” mal expressado do Kou também tornam as coisas muito complexas. É como se, a partir de certo momento da história, algo fizessem os dois se desencontrarem o tempo todo, eu achei isso muito interessante. Para fazer um mangá vender, é só colocar couples complexos na história. E velho, no Japão TEM isso, esse negócio de ser odiada pelas meninas quando você tem muita atenção pelos outros. Cara, a OST, a animação e o plot são ótimos, e eu só vi gente elogiando. Quando nós temos pessoas shippando algo que é tendencioso, nós temos sucesso. Agora quando temos pessoas shippando um casal tendencioso MAS QUE OSCILA ENTRE FICAR OU NÃO JUNTO, nossa, aí é mais que sucesso. Enquanto eu lia o mangá, eu desejava que cada um dos personagens tomassem um chá de realidade, porque eles são muito otários, TODOS, sem exceção. E é por isso que é legal, quando você é capaz de sentir alguma coisa por um personagem, quer dizer que a história já te envolveu. Eu recomendo que vocês leiam Ao Haru Ride (não sei porque vocês não gostaram do anime, pra mim é tão Kimi Ni Todoke, saca?!), e é isso. <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *