Temporada de Outono 2011 – Comentários rápidos

Domingo passado foi dia de apresentar a vocês as minhas principais apostas para a temporada de Outono 2011. Porém, como falei lá, ainda iria comentar sobre o resto dos animes e o que estou esperando por eles. Assim como venho fazendo nas últimas duas temporadas, chega a hora de um apanhado dessa nova temporada com comentários rápidos.

Grandes Apostas

Esses compõe o grupo já conhecido por quem acompanha o blog dos animes que eu mais aguardo, para maiores detalhes, só clicar aqui.

Hunter x Hunter: Madhouse fazendo uma nova versão para aquele que é considerado um dos maiores shounen atuais. Não faz muito tempo que o manga retornou a sair regularmente, me dando esperanças que o anime terá um bom investimento para retornar ao sucesso total.

Chihayafuru: Único anime novo voltado para o público feminino. Apesar de ser um drama, também é de esporte e tenho uma grande curiosidade de ver isso na ótica Josei.

Mirai Nikki: Apesar do pessimismo de muitos com esse título pela equipe responsável (estúdio Asread), estou bastante animado. O OVA que prepara o público para a série me empolgou bastante, sem contar claro com o roteiro muito instigante e as ótimas críticas ao manga original.

Guilty Crown: Se o bloco noitaminA irá mudar de vez (vide a série de Black Rock Shooter para a temporade de inverno), que mude com estilo. Guilty Crown parece um tanto quanto pop se pensarmos no passado do bloco, mas é de se esperar que o enredo militaresco, aliado à boa animação da Production I.G dêem um ótimo resultado.

Prometem muito

Persona 4: Em condições normais esse anime até poderia estar na categoria de cima, mas a sombra de Persona: Trinity Soul ainda pesa sobre mim. Dirigido por Seiji Kishi (Angel Beats!, Seto no Hanayome), P4 promete ser mais fiel ao jogo tão elogiado, mantendo seu Character Design e Diretor de música originais.

Tamayura ~hitotose~: Apesar de não estar sendo muito aguardado pela maioria das pessoas, se Tamayura mantiver a qualidade dos seus OVA com certeza será aquele ótimo anime para ver sem grandes pretensões apenas para relaxar. Sendo um slice of life, não espere acontecimentos mirabolantes, mas aprecie o amor de Fu Sawatari pela arte da fotografia.

Fate/Zero: Assim como Persona, Fate/Zero está sendo apontando por muitos como O anime do outono. Gosto da principal franquia da Type-Moon, mas não chega a ser nada espetacular para mim. Assim, pretendo ver esse prequel que reconta os acontecimentos da 4º Guerra pelo Santo Graal, a última antes daquela que é mostrada em Fate/Stay Night. A série vem pelo ótimo estúdio ufotable (Kara no Kyoukai) e é baseada na novel da Urobuchi Gen, a mente por trás do fantástico Madoka Magica.

UN-GO: Aparentemente o ótimo estúdio Bones gostou de animes de mistério e investigação. UN-GO baseia-se em um livro que se passa na era Meiji chamado “Meiji Kaika Ango Torimonocho”. O anime, no entanto, retira os elementos principais e coloca em uma ambientação futurista, o que prometo deixar tudo bem interessante. Vale ressaltar que o diretor, Seiji Mizushima, e o roteirista, Shou Aikawa são os mesmos de Fullmetal Alchemist.

Podem ser bons, mas não tenho certeza

Phi Brain: Kami no Puzzle: Kaito Daimon é um colegial que aora solucionar puzzles. Um dia ele consegue resolver aquele que é conhecido o “Puzzle Insolúvel” e isso faz com que uma organização conhecida como “POG” vá atrás do garoto. É, não é como se a gente pudesse dizer que a Sunrise é muito original, mas se bem escrito, pode dar um anime pelo menos mediano.

Kimi to Boku: Quatro colegiais que andam juntos desde sempre, mesmo sem serem grandes amigos, recebem um aluno transferido. Em mais um slice of life da temporada (poucos por sinal), do instável estúdio J.C. Staff, espera-se um comédia leve. Sendo sincero, li o primeiro capítulo do manga e detestei. Mas dizem que melhora depois. É esperar pra ver.

Last Exile: Ginyoku no Fam: Falam muito bem de Last Exile, mas é um anime que nunca assisti, então nem posso ter muitas expectativas. A verdade é que esse anime não me empolgou muito, mas ainda pretendo dar um chance por ser do estúdio Gonzo.

Milagres acontecem, né?

Ben-To: Garotas (e garotos, mas isso é um detalhe) lutando pelo bento mais barato do mercadinho. Pois é.

Boku wa Tomodachi ga Sukunai: Como diria o Leo do Mithril, esse deve ser o anime para fãs de seiyuu da temporada. Um clube escolar que reúne pessoas com dificuldades de se socializarem. Dos azarões é o que mais promete.

Kyoukai Senjou no Horizon: Infinite Stratos + Sunrise. Er… é bem animado, vai.

C³ – Cube X Cursed X Curious: Comédia romântica com muitas lutas. Do mesmo estúdio de Baka to Test, mas sem o mesmo carisma.

Er… não.

Maji de Watashi ni Koi Shinasai, Maken-ki!, Mashiro-Iro Symphony, Gundam Age.

E é isso que estou esperando dessa temporada. É lógico que muita coisa pode mudar, é apenas um exercício de especulações, mas não duvido estar certo de muita coisa. Lembrando também que não conto com as sequências, por isso que você não viu Bakuman 2 por aqui, mesmo que eu vá assistir sem falta.

E você? Quais outros animes está esperando, em que categoria encaixaria?

Domingo passado foi dia de apresentar a vocês as minhas […]