Primeiras Impressões – Uchouten Kazoku

PIUchoutenKazoku

Yo!

Família é um negócio complicado quando você é um bicho folclórico… Bora ver!

Um dos animes com o melhor pedigree, Uchouten Kazoku tem a assinatura de Tomihiko Morimi, um jovem autor em ascensão no mercado literário japonês, ganhando o Nihon SF Taisho, prêmio para a literatura fantástica japonesa. No design dos personagens, temos Kouji Kumeta, autor do mangá Zetsubou Sensei.  Se você não conhece nenhum desses, pode anotar. Conhecer eles agora vai ser melhor pra você no futuro.

1373202513906

Em Uchouten Kazoku, temos um Japão de hoje em dia, tranquilo, mas povoado por seres místicos, como tanukis (quer dizer, a versão mitológica) e tengus. E apesar de ter o lado místico, a história corre mais pro lado Ghibli da coisa do que pra um Inuyasha. É bem suave, não digo cotidiano, mas é uma história que torna a fantasia uma coisa mais próxima da nossa vida, sem grandes alardes, mas ainda assim, lindo.

A suavidade da história dá um sabor único. Sabe, não é como estar comendo aquela feijoada caprichada. É como experimentar caviar e gostar. Tem todo um lance diferente, uma textura diferente, um sabor novo… tem classe, sabe? Mas não é algo que assuste quem fica só na feijoada. Acho que já tô viajando muito nesse negócio de comida. Em miúdos. Tem classe em cada cena, mas não é chatice pra nerdão ou pra mostra de cinema, saca?

Resultado:

HorribleSubs-Uchouten-Kazoku-01-720p.mkv_snapshot_18.01_2013.07.07_22.30.54

Gosto muito do jeito que a história caminha e dos personagens. Aquele romance meio azedinho-doce também muito me apetece, curto mesmo aquele esquema de “é complicado”, que é diferente do romance de adolescentes. E acho que a comparação com Ghibli é realmente a mais apropriada. Tem um jeito de Miyazaki, na sensibilidade para detalhes, na habilidade em criar um mundo fantástico tão perto do nosso… Claro que você não vai ter uma experiência parecida com a de assistir um anime da Ghibli, porque depende de muitas outras coisas, mas já consegue emocionar o suficiente.

A animação é bem simples, com poucos detalhes, mas eu pude notar um certo cuidado com a movimentação, trejeitos, até pequenos tiques, que enriquecem os personagens. Isso é bacana, porque a animação em si parece bem barata, mas eles tão dando o máximo para criar uma experiência bacana pra quem assiste. E só isso já me faz ter empatia pela equipe de produção.

Assistirei até o fim pra entender qualé a do anime e acho que não terei trabalho nenhum pra isso. Simpatico demais!

 

Outras opiniões no Genkidama
Argama

E veja meus comentários gerais da temporada!
Guia XIL da Temporada de Verão 2013