Twitch plays Pokémon: A épica jornada de Red

capa_twitch_plays_pokemon

A internet é um lugar maravilhoso, quando você acha que ela não pode te surpreender mais, surge algo como o “Twitch plays Pokémon” e cria um microcosmo a parte, com sua mitologia, deuses, alegrias, tristezas e trabalho em equipe (esse último nem sempre).

Para quem ainda não entendeu muita coisa, Twitch Plays Pokemon pode ser considerado um experimento social, em que milhares de pessoas ao redor do mundo jogam um mesmo game. Tudo começou quando um anônimo decidiu transmitir um jogo de Pokémon Red onde os usuários pudessem jogar o game, enviando comandos pelo chat do site Twitch (famoso por transmissões de e-sports).

O resultado disso foi uma verdadeira anarquia virtual, com muitas situações engraçadas como: o personagem andando em círculos, a tela de menu aparecendo a todo momento, pokémons com nomes sem sentido (JLVWNNOOOO, ABBBBBBK) e muitos pokémons sendo soltos. Tiveram momentos com mais de 100 mil pessoas jogando simultaneamente!

tumblr_n1lsgucuq31s0lztzo1_500

O mais legal dessa história toda foi a imensa comunidade que se criou em volta do jogo, mesmo com as adversidades, todos estão motivados a levar o Red até o fim. Para atingir esse objetivo até um documento público foi criado no google drive, esse documento é a maior prova que mesmo no caos existe algum tipo de ordem e é essa ordem que está levando os jogadores adiante, mesmo as vezes demorando 3 horas para eles conseguirem sair de uma simples casa.

Outra particularidade dessa comunidade foi a criação de mitos entorno de alguns pokémons ou situações que o grupo passou. Um desses casos é do Helix Fossil, um item que o jogador recebe em determinado momento do jogo e que passou a ser usado de maneira aleatória pelos jogadores, as vezes até em alguns momentos críticos. O problema é que esse item não faz nada de relevante e nem jogar fora os jogadores podem, com isso acabou surgindo a ideia de tratá-lo como um deus, apelidado de “Lorde Helix”. Depois de um tempo os jogadores conseguiram ressuscitar o Helix Fossil e evoluir ele para um Omanyte, que continua sendo venerado!

20140224175413501558o

O que estamos presenciando nesse experimento é a criação de uma história nas entrelinhas, paralela a história principal do game. É incrível a capacidade do ser humano em ressignificar as coisas, dando uma nova vida a um acontecimento já pré estabelecido, que nesse caso seria a história do game Pokémon Red. A partir dessa mitologia que foi surgindo, muitos usuários começaram a criar desenhos tentando interpretar a história que está sendo criada, o que fez surgir centenas de memes hilários que você está conferindo ao longo desse texto.

Todas as mais de 30 milhões de pessoas que já acompanharam o game estão percebendo aquele mundo, que muitas delas já visitaram, de uma maneira totalmente diferente e se duvidar até mais proveitosa do que quando jogaram o game sozinhas. Fica a dica para você parar um pouquinho o que está fazendo e acompanhar essa epopeia nerd em busca de ser o melhor treinar pokémon de todos.

tumblr_n1fvx8u3K01s4rcj5o1_500

————————————————————————————————————-

Quer ficar por dentro do Twitch plays Pokémon? Segue abaixo alguns links para ajudá-lo nisso.

Documento com o status atual do jogo:
https://sites.google.com/site/twitchplayspokemonstatus/

Galeria com centenas de memes:
http://imgur.com/a/j5MSp#0

Vídeos com melhores momentos:
http://www.youtube.com/user/TwitchPlayPokemon

Link para assistir ao vivo:
http://www.twitch.tv/twitchplayspokemon

————————————————————————————————————-

tumblr_n1c1prdS8x1rhe34io1_500

tumblr_n1lfxlB4Mn1qch3dfo1_500

the_prophet__t_shirt__by_versiris-d77wcw0

tumblr_n1lt51n6yF1se5q32o1_400

tumblr_n17is5RN3n1rhe34io1_500

Sobre Wagner

Wagner é o manda chuva do Troca Equivalente. Formando em algo sem relação alguma com o universo dos animes e mangás, está sempre por aqui dando seus pitacos. Pelo nome do blog já dá para imaginar qual é o seu mangá/anime favorito.

A internet é um lugar maravilhoso, quando você acha que […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *