Gangsta. – Primeiras Impressões

Um mundo corrompido precisa de “heróis” no mesmo nível, venha ver as primeiras impressões de Gangsta.

Adaptação de um manga seinen que é publicado desde 2010, Gangsta. conta a história de Nicolas e Worick, dois mercenários que vivem em uma cidade dominada pelo crime, topando qualquer trabalho desde que o pagamento seja bom.

Gangsta3

A história que se passa no episódio, mesmo sendo curta, demonstra que não é somente o local que está corrompido, mas também a grande maioria das pessoas que lá vivem. Os bandidos fazem qualquer coisa pela sua satisfação, o alto escalão da polícia faz vista grossa e as “pessoas normais” não tem nenhum tipo de compaixão uns com os outros.

No entanto, podemos ver nos três protagonistas que, se eles já foram absorvidos por esse sistema, seja pelo desespero e sofrimento que cega a então prostituta Alex, ou o elevado poder físico e sobrenatural que colocam os dois mercenários bem acima dos demais humanos dali, ainda resta uma moral questionável para esse trio, uma esperança distorcida, onde a crueldade e a empatia caminham lado a lado.

Gangsta2

Esse primeiro episódio da série, onde Nicolas e Worick são contratados por um policial para dar fim a um grupo gangster, foi praticamente fechado em si mesmo, deixando apenas uma pontinha solta como dúvida no ar, funcionando muito bem como apresentação desse mundo dominado por facções rivais.

O uso de cores mais pastéis e de tons escuros pelo estúdio Manglobe, ajudou muito em criar a atmosfera perfeita desse mundo duro e sem piedade. A arte, o roteiro e o desenvolvimento dos personagens são extremamente voltados para isso, tomado pelos humanos e sua ganância, que agora não passa nenhuma esperança além de se viver mais um dia.

Gangsta1

Gangsta. surge como uma boa opção por utilizar uma ferramenta que ultimamente se tornou comum, mas estava meio esquecido nos animes; anti-heróis – além de apresentar diversas características que geralmente atraem bastante público, como uma história mais pesada, personagens carismáticos, bastante ação e algumas pitadas de humor. Certamente é um dos animes da Temporada de Verão de 2015 que merecem uma chance.

Um mundo corrompido precisa de “heróis” no mesmo nível, venha […]