Criação de personagens – Parte 2 – Tipos de Personagens

E vamos ver mais um pouco sobre criação de personagens em mangas!

Na Parte 1 deste texto nós vimos algumas técnicas para criar personagens. Agora vamos conhecer alguns padrões comuns de personagens nos quadrinhos japoneses.


Quem gosta de manga e lê bastante já deve ter reparado que existem certos tipos que aparecem com frequência. A verdade é que a grande maioria segue um padrão. Isso não é ruim, mesmo em termos artísticos: como já disse o J. M. Trevisan (autor de Ledd), as pessoas tendem a superestimar a originalidade. Muitos personagens excelentes, não só de mangas, mas também de livros e filmes, foram baseados nas criações de antigos mestres como Shakespeare – por exemplo, no filme Ran, de Akira Kurosawa, o senhor feudal Hidetora e seus filhos são claramente inspirados no Rei Lear e suas filhas).

Vamos conhecer alguns tipos padrão de personagens e como é possível criar em cima deles.

Exemplo 1: A Princesa na Torre

princesa na torre

A Princesa na Torre clássica: linda, prisioneira, à espera do seu príncipe salvador

Quando se fala em Princesa na Torre, quase todo mundo pensa em Rapunzel. Na verdade esse tipo de personagem não precisa necessariamente estar trancado numa torre. A essência da ideia é uma pessoa que está presa literal ou metaforicamente à espera de um “príncipe salvador”, alguém que a salve e acaba, de alguma forma, aprendendo a se salvar. A “torre” pode ser uma condição social desfavorável (ser um escravo, pertencer a uma classe ou etnia considerada inferior), um problema emocional ou mesmo de saúde. Exemplos de Princesas na Torre: o Shinji de Neon Genesis Evangelion e a Emma de Victorian Romance Emma.

Exemplo 2: A irmandade

13707891

Eles são aquele grupo unido, tipo Os Três Mosqueteiros – “um por todos e todos por um”. Podem ser guerreiros medievais lutando por seu rei, amigos de escola se ajudando a enfrentar os problemas típicos da adolescência ou heróis com superpoderes que lutam juntos para salvar o mundo, eles são grandes amigos e funcionam muito bem em equipe. Isso não quer dizer que não haja brigas e disputas entre eles. Uma discussão aqui, um desentendimento ali podem dar uma boa apimentada na sua história. O importante é que no final, a amizade fale mais alto (ou não, caso queira subverter o padrão). Exemplos de Irmandade: Belldandy, Uld e Sculd de Ah My Godess!, os times Kaijo e Seirin de Kuroko no Basket, o time Karasuno de Haikyuu!.

Exemplo 3: Os Gêmeos

Nada separa os Gêmeos, que são unha e carne.

Nada separa os Gêmeos, que são unha e carne.

Cumplicidade e parceria são suas marcas registradas. Os Gêmeos se entendem perfeitamente, quase que lêem os pensamentos um do outro. Não precisam ser irmãos de sangue nem terem se conhecido a vida toda. O seu relacionamento é forte e profundo e mesmo que estejam em lados opostos em uma guerra ainda haverá simpatia, empatia e compreensão entre eles. A trajetória dos Gêmeos quase sempre é marcada por momentos de separação onde cada um prova sua capacidade individual e ao mesmo tempo comprova o quanto o outro lhe faz falta. Exemplos de Gêmeos: Gon e Killua de Hunter x Hunter, Miaka e Yui de Fushigi Yuugi, Kiyo e Zatch de Zatch Bell.

Exemplo 4: O Impostor

impostor

Impostores são charmosos, porém ambíguos…

O Impostor é aquele personagem charmoso ou no mínimo interessante, porém ambíguo. Seja por necessidade ou algum problema emocional, ele mente e/ou guarda segredos. Mesmo quando é realmente um bom sujeito, o personagem tem um jeito brincalhão, descompromissado, que o leva a ser mal entendido ou encarado com suspeita. O Impostor costuma ou provar sua lealdade e ser aceito ou ficar em cima do muro até o fim, ora apoiando os heróis, ora os vilões, de acordo com seus interesses pessoais. Exemplos de Impostores: Usopp de One Piece, Hisoka de Hunter x Hunter, Gieve de Arslan Senki.

Estes são só alguns dos muitos tipos de personagens que povoam os mangas. Criando em cima de cada tipo, você consegue fazer dúzias de personagens diferentes: A Princesa na Torre pode ser um rapaz que está fazendo faculdade de Medicina pressionado pelo pai e seu príncipe salvador pode ser um velho professor que o encoraja a fazer o que realmente quer. Os Gêmeos podem ser avô e neto que se adoram e vivem muitas aventuras juntos, e assim por diante. Você ainda pode trabalhar dessa forma também em cima de personagens de filmes e livros. As possibilidades são inúmeras!

E então, o que está esperando para começar a criar seus próprios personagens?

FONTE:

“Sugu ni Dekiru Kyarakutaa Zukuri” – Comickers Manga Technique Series (livro)

E vamos ver mais um pouco sobre criação de personagens […]