Battle Royale – Angels’ Border – NewPOP Editora – Volume Único

Battle Royale é uma franquia de enorme sucesso. Na história, alunos de uma classe do fundamental são forçados a lutar até a morte. O spin-off em manga, Angels’ Border, foi lançando pela editora NewPOP nesse mês.

*Contém spoilers vagos sobre a história da obra original.

BATTLE ROYALE: Angels' Border (Volume Único)

Como dito na resenha sobre o livro de Koushun Takami, Battle Royale possui uma diversidade de personagens interessantes. Angels’ Border escolheu bem ao abordar as garotas do farol, um grupo que chama a atenção pela engenhosidade de seus membros, mas que no enredo original uma participação “pequena” – o livro tem mais de 600 páginas e em comparação com as outras personagens, o subplot das garotas do farol se encerra de forma rápida na trama.

Nesse sentido, Angel’s Border é mais intimista ao retratar e humanizar as personagens e seus destinos trágicos, não tendo o mundo distópico do livro como foco. Nem por isso deixa de ser uma distopia: o governo autoritário e totalitário continua presente também nos flashbacks das personagens para contar suas histórias. É mostrado como afetava o individual, em contraste com o original, no qual vemos o efeito sob o coletivo de alunos.

AngelsBorder2Na primeira parte, Haruka está em conflito com seus sentimentos por sua melhor amiga, Yukie. Provavelmente por fruto da desinformação propagada pelo governo, ela se vê como uma pervertida – e como ela diz logo no começo, esconde a sua sexualidade. Certa vez, Yukie sofreu abuso no transporte público e ao reclamar, o sujeito a ameaçou. Ela compartilha sua revolta por isso com Haruka, que passa a associar isso com os seus próprios sentimentos pela garota e evita tocá-la.

Yukie, por sua vez, embora ignorante sobre os sentimentos da melhor amiga, aprecia a amizade das duas. A representante de classe, que já era uma das personagens mais interessantes do livro em minha opinião, ganhou ainda mais profundidade nesse spin-off. É retratado o seu passado com o pai, a sua revolta com o governo e sua amizade com Haruka é aprofundada. Mesmo com os sentimentos unilaterais de Haruka, a amizade das duas é linda.

AngelsBorder3No episódio #2, o foco vai para a Chisato Matsui e o Shinji Mimura, outro personagem que já era interessante no original. A história dessa vez vai para como Chisato conheceu Shinji e apaixonou-se, revelando aos poucos mais detalhes sobre a vida de ambos naquela ditadura, sem nunca esquecer o questionamento do que poderia ou não ser dito ou feito sem que arriscassem as suas vidas, mesmo que fosse um comentário bobo em uma lanchonete.

Angels’ Border é uma história simples de drama em meio a uma distopia. A arte dos dois mangakas – Ohnishi Mioko e Oguma Youhei – contribuem para essa impressão. Particularmente, preferi o estilo mais suave de Ohnishi para dar vida ao cenário e as personagens do livro, combinou bastante com a história das amigas que apesar de trágica, também era muito bonita.

Mioko ainda é iniciante e não se sabe muito sobre os outros mangas que produziu. Enquanto isso, Battle Royale: Angels’ Border é o único manga de Oguma Youhei.AngelsBorder4

O spin-off é um volume único e custa R$16,00. O preço é compensado pelo trabalho gráfico da NewPOP, embora só tenha uma página colorida. No entanto, se a revisão da editora melhorou, ainda vemos alguns tropeços como “está estava”. A edição conta com os roteiros do autor original, Takami Koushun, para os dois episódios. Uma ótima leitura para os aspirantes a mangaka!

Battle Royale é uma franquia de enorme sucesso. Na história, […]