Os dez mangas mais vendidos da história da Shonen Jump

Shonen_Jump_2013_Issue_13Quais serão os mangas que mais venderam volumes durante a longa história da revista que é afinal a mais conhecida, influente e campeã em vendas de volumes de manga no Japão – a Shonen Jump?

Top-10-best-sellers-shounen-jump-mangaFoi publicado no Shueisha Media Guide 2013, um guia para anunciantes da empresa responsável pela revista, um perfil do maior almanaque de mangas daquele país com um ranking que indica afinal quais foram os dez mangas mais vendidos [em volumes, e somente no Japão | dados relativos a Fevereiro de 2013] ao longo dos quase quarenta e cinco anos de história da Shonen Jump.

Vamos aos números:

1 – One Piece – 288.800.000 exemplares

2 – Dragon Ball – 157.210.000 exemplares

3 – Kochira Katsushika-ku Kameari Kōen-mae Hashutsujo [Kochikame] – 156.570.000 exemplares

4 – Naruto – 131.280.000 exemplares

5 – Slam Dunk – 120.290.000 exemplares

6 – Bleach – 82.070.000 exemplares

7 – Jojo no Kimyou na Bouken [Partes 1 a 5*] – 68.910.000 exemplares

8 – HUNTER x HUNTER – 65.870.000 exemplares

9 – Rurouni Kenshin – 58.610.000 exemplares

10 – Yu Yu Hakusho – 50.000.000 exemplares

Vale primeiramente lembrar que é um total de volumes somados, no qual ser um título mais longo faz toda a diferença; Kochikame e seus mais de cento e cinquenta volumes fazem toda a diferença e sim, ser longo significa mais probabilidade de uma posição melhor. Claro que estes mangas, praticamente lendários, tem muitos méritos próprios para estar aqui, mas Hokuto no Ken ou Death Note também venderam um absurdo de revistas a cada volume publicado e mesmo assim não estão presentes na lista.

Leia mais: 

E do décimo colocado Yu Yu Hakusho ao quinto Slam Dunk, vários são os exemplos que estão aqui simplesmente com um número razoável de volumes combinado à força ímpar presente em cada um deles; estes também acabam sendo representantes de uma velha geração que tinha mais força na revista em si que nos encadernados, legítimos representantes de uma outra época aonde se comprava muito mais JUMP – e muito menos volumes, o que torna sua presença aqui ainda mais especial.

E bem, como não falar do já mitológico One Piece, que literalmente conseguiu quebrar todos os recordes da geração anterior composta pela dupla Dragon Ball [mais vendas no total] e Slam Dunk [mais vendas por volume]. One Piece, sentado já a mais de cem milhões do manga de Akira Toriyama [e subindo], sem dúvida é um sucesso complexo, único e que ainda deve ser desvendado por muitos. Enquanto isso, nos resta ver até onde Eiichiro Oda irá levar sua saga multimilionária em busca do tesouro que movimenta tantos corações ao redor do mundo. E bem, fica a dúvida: será este o manga mais rentável e popular da história, o ápice que pode nunca mais ser superado? A ver.

Guest Post feito por Qwerty, que tem seu blog sobre animes e assuntos relacionados no próprio Portal Genkidama chamado Argama, onde busca apresentar uma visão sobre o mundo dos animes em sintonia com o fandom atual sem deixar de ter personalidade.

P.S.: Vale lembrar que mangas publicados em outras revistas podem vender tão ou mais que os clássicos da JUMP, vide o exemplo abaixo.

*A obra tem a contagem de volumes reiniciada na Parte 6 [Stone Ocean]; assim, os volumes subsequentes não contam para fins estatísticos.

Quais serão os mangas que mais venderam volumes durante a […]