Falando sobre moe

Quer saber mais sobre o moe um dos elementos mais comum dos animes e mangas atuais,  então encontrou o lugar certo.

A Origem 

2107628-imagen_9
A origem do moe?

É bastante incerta a origem do termo e sua etimologia, sendo que a palavra moe é escrita com o kanji para “brotar” (萌). Possuíndo diversas teorias sobre a origem, algumas delas dizem que ele nasceu com base nos nome de heroínas de animes da década de 90 como Hotaru Tomoe (Tomoe é escrito como  土萌 sendo o kanji relevante o mesmo) de Sailor Moon e Moe Sagisawa do anime Kyoryu Wakusei.

Ken Kitabayashi pesquisador do Instituto Nomura de Pesquisas definiu moe como “fortemente atraído por alguém”, Kitabayashi também identificou uma possível origem da palavra moe do trocadilho com o termo godan (五段) ”germinar, brotar” moyasu (萌やす) e sendo o homônimo (palavras com a mesma pronuncia, mas com significados e origens diferentes) de queimar moyasu (燃やす). Na mesma linha de pensamento Kitabayashi aprontar a possibilidade da palavra se derivar do trocadilho com a palavra japonesa ichidan (一段) “germinar, brotar” moeru (萌える), o homônimo de “queimar” moeru (燃える) queimar no sentido sentimental, como queimar de paixão.

Também existe á teoria de que o termo moe vem de diversas discussões no 2channel sobre um hibrido de personagem lolis e bishoujo. Algo que aumenta as chances do termo vir do nome da personagem Hotaru Tomoe de Sailor Moon, isso por conta da popularidade da mesma no 2chanel daquela época, e também considerado seu background no manga.

 Fonte: Wikipédia

Mesmo não sendo possível chegar a um consenso sobre a origem do termo, saber todas estas teorias nos leva a entender mais facilmente o significado original dele.

Significado original e o que é hoje. 

4048_moepic1

O moe originalmente se referia a uma paixão por personagens femininos adolescentes, mas sendo uma paixão sem nenhum tipo de desejo sexual. Sendo basicamente uma grande afeição e protecionismo paternal por personagens em geral femininos (nada impede de personagens masculinos criarem este mesmo sentimento) com características de possuírem uma grande inocência, fofura e que estão ainda á beira do amadurecimento da infância. Em suma o moe seria o termo para designar o sentimento que temos por personagens ingênuos e fofos, que seria o mesmo que temos a vemos uma criança ou á um filhote que é querer protegê-los, um ótimo exemplo é a atitude do personagem Souta Takanashi de Working! quanto a coisas pequenas e fofas.

Uma sátira a sexualização do moe?
Uma sátira a sexualização do moe?

Mesmo o moe sendo um termo existente desde a década de 90, ele teve sua popularização e reconhecimento no começo dos anos 2000, se tornado atualmente um elemento dominante em muitas obras e sendo explorado comercialmente ao máximo. Com esta exploração comercial do moe, ele acabou por se tornar, em muitos casos, ao invés de um desejo não sexual de abraçar, amar e proteger uma personagem a ser um fascínio sexual com a fofura. Com isso o moe mudou inteiramente  a partir de um intercâmbio entre as produtoras, e espectadores para tornar-se claramente uma característica de determinados personagens ou um fetiche focalizado de uma parcela pequena, mas altamente consumidora dos telespectadores.

k-on-moe
Garotas fofas fazendo coisas fofas.

Particularmente em animes como K-ON! e Lucky Star, a produção deliberadamente girava em torno de personagens femininas pré-adolescentes adoráveis, desajeitadas e a fim de criar, inflamar e manipular os interesses e afeições dos telespectadores sendo que estes personagens não criavam os sentimentos de Moe do publico; eles eram literalmente personagens Moe.

Saído totalmente da origem do termo que era personagens que naturalmente e inconscientemente criavam uma reação paterna em seus telespectadores, mas agora personagens que eram a manifestação física das características definidoras do movimento moe á fofura e inocência. Sendo assim muitas obras agora usam personagens que ao invés de ganharem passivamente adoração e sentimentos de proteção, forçam estes sentimentos em seus espectadores. O moe agora com a sua popularização ainda maior, se tornou um dos maiores movimentadores de dinheiro e publico atualmente na indústria, infelizmente virando em muitos casos mais um fetiche, que se ramificou em vários outros.

Minha opinião 

Exitem realmente fatores que tornaram o moe algo odiado por muitos principalmente ao vemos que cada vez mais existem obras que usam deste elemento de forma forçada e com um grande comodismo. Mas o moe como um simples elemento, usado em varias história pode se muito bem usado em obras de temas diversos desde obras dramáticas, com teor humorismo, românticas e filosóficas como, por exemplo, Tokyo Magnitude 8.0, Clannad, Kanon e demais obras do Key, Working!, Madoka Magica e mais recentemente Hanayamata e Barakamon todas essas obras criam esse sentimento de querer proteger um ou mais de seus personagens, mas não de forma forçada, mas sim quase inconscientemente.

hanayamata-4

O moe é um elemento usado nas mais diversas obras de formas diferentes, tendo como materiais finais, obras também de qualidades diferentes.

Sendo assim, considero bobo ter preconceito pelo elemento como um todo, pois estaríamos perdendo a chance de ver obras muitos boas por conta deste preconceito, eu por saber que existem boas obras com moe e outras que não o usar da melhor forma possível aprendir a ser o mais seletivo possível com o que vejo, sabendo que a indústria de animes e mangas está sim em um pequeno declínio de qualidade e de diversidade não por conta do moe ou de outro elemento por si só, mas pelo grande comodismo das produtoras que continuam a patrocinar e produzir obras para nichos específicos por conta das boas vendas que estes públicos trazem, que em curto prazo é a atitude mais lógica, mas em longo prazo pode trazer prejuízo á indústria, isso, pois atualmente principalmente as animações possuem uma diversidade menor de temas e um público consumidor bem especifico, o que pode fazer em caso de que por algum motivo estes consumidores deixem de comprar, a indústria pode entrar em uma nova recessão criativa e talvez econômica, isso é uma possibilidade existente, mas pouco provável atualmente, mas mesmo assim deveria se considerada ao menos em longo prazo.

Então leitores do Portal Genkidama,  espero que tenha os ajudados a entenderem mais sobre o moe,  quero ouvir a suas opiniões sobre o assunto.

Não deixem de acompanha as mais diversas noticias e matérias do Portal Genkidama pela nossa pagina no Facebook, nosso perfil no Twitter e participe de nosso grupo no Facebook onde poderá discutir os mais diversos temas.

Apenas um cara que gosta de diversos elementos da cultura asiática e tentar compartilhar suas opiniões com o máximo de pessoas possíveis. Podem me perguntar o que quiser, se for muito interessante a pergunta talvez eu responda por meio de um texto aqui ask.fm/ronaldes09v