As gêmeas fazem as melhores caras

Sim, desta vez o 4chan está certo – Ami e Mami Futari [o sobrenome já quer dizer duas] são realmente as personagens de THE [email protected] que mais tem caras e bocas animadas pelo A-1 Pictures – e neste primeiro artigo aos moldes de um Tumblr, fiquem com as melhores expressões faciais destas alegres e fofas personagens:

Continue lendo

Sim, desta vez o 4chan está certo – Ami e […]

Lupin Sansei, Cagliostro no Shiro

Lupin, calmo no alto de seu Fiat 500.


Algo primordial mas que é menos citado do que deveria sobre a carreira de Hayao Miyazaki é o papel que a direção da série de TV de Lupin Sansei [ou Lupin the III, no Ocidente] tem nesta. Após alguns projetos iniciais [com destaque para Horus, resenhado por Panina Manina AQUI] bem-sucedidos, ele – juntamente com Isao Takahata, co-diretor de Horus e que seria ao longo da carreira seu maior parceiro – assume perto do episódio 10 a direção desta série de TV que adapta o manga que retrata diversas aventuras estrelando o neto do famoso ladrão Arsène Lupin na visão do mangaka Monkey Punch, juntamente com um time de personagens incrivelmente carismáticos, do confiável parceiro Jigen ao incansável antagonista Zenigata [que representa o lado da justiça nesta série que dá o ponto de vista do ladrão]. Em 23 episódios exibidos entre 1970 e 1971 tivemos o nascimento de um clássico, que anos depois seria retomado em uma série maior, de 155 episódios entre 1977 e 1980, de maior sucesso popular.
Continue lendo

Algo primordial mas que é menos citado do que deveria […]

Lançamentos de BD no Japão: Parte 1, Filmes

Quem acompanha semanalmente os lançamentos de anime no Japão consegue ter em mente um calendário aproximado das datas de lançamento desses; afinal, Terça é dia de Chihayafuru, Quinta, de Guilty Crown e Sábado, de Fate/zero. Mas quando entramos no terreno pantanoso dos lançamentos para vídeo de Original Video Animation [OVA] e principalmente de filmes por muitos aguardados, a situação complica. Afinal, descontando um mega-lançamento como qualquer um dos filmes de Rebuild of Evangelion, é raro um lançamento fazer um real alarde entre o fandom.

Assim, o objetivo deste post [e de outros que virão de tempos em tempos; inclusive este inicial contém uma segunda parte a ser conferida aqui] é basicamente servir como guia para os lançamentos vindouros, com principalmente a data de lançamento dos filmes em home video e adicionalmente informações relevantes para aqueles que não sabem do que algum lançamento se trata. Mãos à obra!
Continue lendo

Quem acompanha semanalmente os lançamentos de anime no Japão consegue […]

#VergonhaJBC e a pergunta que não é feita

A hashtag da polêmica.

Que as editoras brasileiras de manga não fazem o melhor dos trabalhos, todo mundo sabe. E de vez em quando vem a tona um problema como as páginas ultra-finas de Kobato. 1, que chegam a ser transparentes – assim, em um acinzentado feriado de 15 de Novembro de 2011 esporadicamente pipocou a hashtag #VergonhaJBC, que requentou esta discussão muito antiga sobre o padrão de qualidade de publicação dos mangas no Brasil, sempre com as inevitáveis comparações com o estrangeiro. Hora de colocar os pingos nos is nesta questão. Continue lendo

Que as editoras brasileiras de manga não fazem o melhor […]

Heartcatch Precure!

Qwerty: Este é o primeiro de uma série de artigos feitos por pessoas que não necessariamente são membros deste blog; e nada melhor para começar esta seção que primará por dar opiniões e pontos de vista que por algum motivo sejam diferentes dos da minha pessoa que a @hakeru_chan, grande fã da franquia PreCure e famosa por ser fã dessas fofuras – além de fazer shipping em diversas obras, particularmente seu tão amado NaruHina. Ela também escreveu alguns Semanada para o Chuva de Nanquim. O artigo está delicioso de se ler, espero que curtam – e recepcionem bem esta primeira convidada.

Logo da série.

Pensem numa série de mahou shoujo de sucesso. Sailor Moon, adivinhei? Mesmo sendo uma série antiga, é sinônimo de “garotas mágicas” até hoje não só no Brasil mas em boa parte do mundo.

Exceto no Japão, aonde a árvore que saiu Sailor Moon já deu outros frutos. E não estou falando de Sakura Card Captors mas sim de uma das séries mais rentáveis para a Toei Animation, Bandai e demais licenciadores nos últimos oito anos: Pretty Cure.

Os críticos com certeza já tem na ponta da língua argumentos como “é apenas um anime comercial, criado para vender bonequinhas e encher as prateleiras de produtos licenciados como tempero pra arroz e papel higiênico”. E eles estão certos [até na parte do papel higiênico, mas isso é outra história]. Mas nada impede que mesmo um anime criado para vender brinquedos tenha um enredo interessante e personagens cativantes, certo? Continue lendo

Qwerty: Este é o primeiro de uma série de artigos […]

Dez Aberturas de Anime: 2011

Após literalmente centenas de estreias que ocorreram em 2011, podemos agora no ocaso deste bom ano para animes [que é comparado por muitos com a verdadeira época de ouro que foi 2007] dez aberturas que podem não ter marcado – até por estarem em obras praticamente desconhecidas do grande público – mas que sem dúvida possuem um padrão mínimo de qualidade para estarem presentes aqui.

Destas, as cinco primeiras também estão presentes neste artigo feito por mim há algum tempo para o Subete Animes – mas as cinco últimas [e a extra] são completamente inéditas. E para facilitar a vida de quem já havia lido o artigo citado o artigo será dividido em duas partes. Continue lendo

Após literalmente centenas de estreias que ocorreram em 2011, podemos […]

Carta de Intenções

Claro que começar um novo blog que indica uma nova fase em minha passagem – que já pode ter sido esquecida enquanto está lendo isso – com esse tipo de post já demonstra a falta de humildade inerente a proposta.

Sinceramente, para deixar de simplesmente assistir anime e no máximo comentar com os amigos [ou anonimamente, afinal até no Brasil a cultura chan está presente] e ao menos querer discutir na internet a ponto de se preocupar no mínimo com um avatar, você quer algo a mais, desde novos contatos que tenham essa característica em comum até mesmo aumentar seu ego.

E em tempos de Tumblr, Twitter e outros, ter um blog – e se preocupar com ele – demonstra que você quer algo a mais que a simples diversão de entreter-se com sua obra favorita. Ego, vontade de influenciar um pouco os outros, treinar a escrita, enfim, existem vários e diversos motivos que induzem à criação de mais este espaço feito para falar de anime. Continue lendo

Claro que começar um novo blog que indica uma nova […]