Outubro/2013: Resumo das Estreias, Parte 1 – Kill la Kill e Kyoukai no Kanata‏

kill_la_killz

Após alguns artigos a respeito de temporadas passadas muito preocupados em passar o máximo de informação possível no menor espaço permitido com o fim de termos um único artigo, resolvemos mudar o enfoque deste grandes Primeiras Impressões sobre tudo e todos na maior – pelo menos quantitativamente – temporada em um bom tempo.

Assim, saem tweets e entram parágrafos contando uma história – ou melhor, o começo de muitas delas. Ao final de tudo, aquele balanço esperto e matador. Sem mais delongas, nesta primeira e reduzida parte é pé na porta com os dois animes que geraram a maior expectativa entre os quase cinquenta que começam ou retomam em mais esse ciclo da animação japonesa.

kill_la_kill_primeiro_episodio

Kill la Kill
TRIGGER, 2-cour/24~26 episódios

Episódio: 90/100
Potencial: Muito alto.

UMA EXPLOSÃO DE ENERGIA NO LIMITE ENTRE A CORAGEM E A INCONSEQUÊNCIA. O DIRETOR E O ROTEIRISTA RESPONSÁVEIS PELO GRANDE SUCESSO DE TENGEN TOPPA GURREN LAGANN ESTÃO NOVAMENTE JUNTOS APÓS CINCO ANOS E NÃO ESTÃO DE BRINCADEIRA.

KILL LA KILL É CAIXA ALTA, KANJIS COR-DE-SANGUE ENCHENDO TELAS GIGANTES DE ALTA DEFINIÇÃO NOMEANDO DO CENÁRIO AOS TÍTULOS DOS PERSONAGENS. É ESTILO SENDO A PRIMEIRA E TAMBÉM A SEGUNDA PRIORIDADE NESTE PRIMEIRO TRABALHO DO STUDIO TRIGGER, JÁ CONSIDERADO POR MUITOS O SUCESSO ESPIRITUAL DO LENDÁRIO GAINAX – ASSIM, PERSONAGENS DESENHADOS DE FORMA CARTUNESCA PELO PROMISSOR SUSHIO GANHAM VIDA EM UM ANIME DE ORÇAMENTO – ao menos até aqui – APERTADO MAS QUE SABE EXPLORAR CADA FRESTA PARA GERAR ESPETÁCULO EM UM PRIMEIRO ATO QUE PRESSUPÕE UMA JORNADA EPISÓDICA E DE CONSTRUÇÃO E AMADURECIMENTO RUMO AO CLÍMAX.

EXXXTILO A PARTE, O ROTEIRO FOI EFICIENTE EM APRESENTAR MUNDO E PERSONAGENS; SEM A COSTUMEIRA REDUNDÂNCIA DE MUITOS ANIMES, FEZ UM BOM PAPEL EM COLOCAR O ESPECTADOR NAQUELE MUNDO, APRESENTAR EM MENOS DE MEIA HORA CAMADAS DE INFORMAÇÃO NECESSÁRIA PARA TOMARMOS MELHOR A DECISÃO DE ENTRARMOS NESTA VIAGEM DE SEIS MESES.

TEMOS SIM UM ANIME QUE ACABA RECUSANDO TONS DE CINZA E CERTO APELO MAIS UNIVERSAL PARA SER PRETO NO BRANCO, PARA DIVIDIR OPINIÕES E CONQUISTAR TANTO UMA LEGIÃO DE ADORADORES QUANTO PESSOAS QUE NÃO ENTENDEM PORQUE TANTO BARULHO. CLÁSSICO OU NÃO, COMEÇAMOS AQUI CLARAMENTE COM O PÉ DIREITO.

kyoukai_no_kanata_poderzinho

Kyoukai no Kanata
Kyoto Animation, 1-cour/12~13 episódios

Episódio: 83/100
Potencial: Médio-alto.

Muito refinamento para pouco risco; é lindo, é divertido, mas será que é o suficiente?

Um anime sem dúvida divertido e que não traz todo o pedigree do Kyoto Animation, o estúdio mais badalado há um bom tempo, a toa. A arte é soberba, a animação, caprichada, e o know-how de anos é usado a favor de um Primeiro Episódio redondo como poucos.

Protagonista homem cínico, protagonista mulher moe-autista, A outra menina quieta e com língua ferina, mundo sobrenatural como pano de fundo da vida escolar retratada com os filtros mais lindos do mundo em um pacote embalado por quem manja da popularidade [quase trinta mil pessoas já marcaram em seus Anime List e subindo…].

Existem algumas fórmulas e atalhos para um anime ser um blockbuster, e Kanata oferece certo arranjo de doce para os olhos, personagens com trejeitos adoráveis e mundo com certo potencial para atingir seu objetivo; consegue, mas ao custo de não oferecer nada de novo e até mesmo de soar repetitivo.

kyoukai_no_kanata_01

kyoukai_no_kanata_02

kyoukai_no_kanata_03

kyoukai_no_kanata_04

Viram? É um bom anime, o mais novo herdeiro de uma tradição de puro-sangue. Gostoso de assistir, precisa começar a provar que não é só um rostinho bonito. Será?

Continua na Parte 2…

eu_tenho_um_peixe_na_minha_perna_jpg

Após alguns artigos a respeito de temporadas passadas muito preocupados […]