Animes Comerciais Também Têm O Seu Valor

Antes de começar, gostaria de deixar claro o que eu considero como anime comercial, pois todo anime é comercial na essência da palavra. Todo estúdio produz um anime visando lucro para si. Neste post, levarei em conta os animes que são  os responsáveis por divulgar um produto prévio já a venda. Normalmente o produto é o centro da série ou o motivo de sua história. Não entrará nesse post animes como Naruto que, por seguir certos clichês, muitos consideram como comerciais. Tendo dito isso, vamos ao que interessa.

Pokemon, Bey Blade, Bakugan, Yu Gi Oh (e suas variantes)… todos esses são animes que logo me vêm a cabeça quando penso em animes comerciais. E logo depois vem uma enxurrada de críticas que já li, vi e ouvi mundo a fora. Porém, recentemente tenho voltado minha cabeça para uma análise interessante desse tipo de anime. Eles cumprem muito bem seu papel de entreter seu público alvo.

Você, camarada de 30 anos, que resolveu pegar uns 10 episódios de Bakugan pra ver e saiu pelos mais variados fóruns detonando o anime, dizendo que é coisa de retardado e daí pra baixo, saiba que a série não foi feita pensando em você como espectador. O público alvo da séries citadas acima são as crianças e é curioso ver como as pessoas que as criticam em momento algum se colocam no papel deste público alvo.

Se eu sair na rua e perguntar para uma criança se ela assiste e gosta de Bakugan, há grandes chances de eu obter uma resposta positiva. Antes de criticarmos algo deveríamos pensar no motivo para o qual este algo foi feito.

Quando criança eu adorava jogar Pokemon no Gameboy e adorava mais ainda ver as aventuras do Ash diariamente na televisão. Fica colado na banca esperando a próxima edição da Pokemon Club sair. Ficava babando com os Pokecenters (lojas especializadas em vender TUDO relacionado a Pokemon) que só tinham no Japão e nos EUA. Todo esse mundo criado em volta do meu joguinho favorito só tornava a coisa ainda mais mágica na minha cabeça.

Não estou aqui defendendo consumismo ou alienação como muito de vocês devem estar pensando, mas estou defendendo o entretenimento. Você sabe porque as crianças se divertem tanto assistindo a esses animes? Porque elas não se importam com o resto. Elas só se importam para a diversão que estão tendo assistindo aquilo e podendo usufruir do que assistem na vida real.

Esse assunto é delicado, envolve muitos outros fatores além do que um simples post pode trazer, mas vale a pena pensarmos que muitas vezes não gostamos de algo porque estamos “pensando demais”.

Até o próximo post. Comentários a respeito são sempre bem vindos.

Antes de começar, gostaria de deixar claro o que eu […]

Animes de Esporte Ainda Tem Salvação (aka Giant Killing)

Falem o que quiser, para mim e para muita gente animes de esportes estão mortos e são um gênero perigoso de se aventurar. O último que vi foi Eyeshield 21 e apesar de gostar, principalmente por tratar de um dos meus esportes preferidos, Futebol Americano, o anime acabou caindo na repetitividade e logo ficou chato. Termine de assistir por pura inércia. Quando estava lendo os releases para a atual temporada, passei batido por Giant Killing pensando “ah, é só mais um anime de esportes… e de futebol ainda. Super-Campeões é melhor”. Que erro. Por pequena curiosidade e tempo livre acabei pegando o anime pra ver e logo no primeiro episódio me arrependi de ter deixado passar quase uma semana da estréia.

O anime conta a história de um time que está lutando para se manter na primeira divisão japonesa. O time perdeu cinco jogos seguidos, a moral da equipe continua baixa e o apoio da torcida está cada vez menor. Jogadores são vendidos e técnicos vem e vão. A diretoria decide então uma última alternativa para salvar o tradicional time da região, chamar de volta Takeshi Tatsumi, um ex-jogador que agora assumirá a equipe como técnico. Porém sua vida não será fácil e seus resultados terão que superar sua desaprovação pela torcida e por alguns jogadores.

Tatsumi é um personagem muito bem construído. Logo no primeiro episódio já sabemos que ele era um dos grandes astros do time no passado só que os abandonou para ir jogar no exterior. A partir de então o time não conseguiu se sustentar no topo e começou sua decadência. Esse fato cultivou um ódio a ele por parte dos novos torcedores e de muitos de seus colegas de equipe. Um desses colegas é Shigeyuki Murakoshi, um jogador contemporâneo a Tatsumi que ainda está em atividade como capitão da equipe. Os conflitos entre os dois são inevitáveis e a maneira como está se desenvolvendo mostra a competência de Tsunamoto Masaya como o autor original do mangá.

Junte a esses dois ótimos personagens alguns grandes codjuvantes como o prodígio, porém imaturo, Daisuke Tsubaki e o egocentrigo Luigi Yoshida, mais conhecido como Gino. Até o atual episódio (4) estes codjuvantes tiveram tanta ou mais participação que os personagens principais. Destaque também para dois personagens que podem passar despercebidos, a torcida jovem e a torcida velha. Isso mesmo. Temos duas torcidas representadas nesse anime. A torcida que acompanhou o time após a saída de Tatsumi e a torcida que acompanhou o time durante a época de Tatsumi. Os conflitos entre ambas podem gerar situações excelentes de se acompanhar e que raras vezes são abordadas em animes de esporte.

Vou parar de falar sobre a história par anão estragar a experiência de quem está lendo este singelo post, mas já digo que é uma das melhores histórias que já vi em um anime do gênero. O desenrolar episódio a episódio, o desenvolvimento dos personagens, os mistérios de cada jogador que nos deixam curiosos por respostas… tudo isso torna Giant Killing uma ótima pedida para esta temporada e mostra que o gênero não está no fundo do poço como muitos de nós pensamos.

Falem o que quiser, para mim e para muita gente […]

Summer Wars – A Perfeita União Entre o Antigo e o Novo

O primeiro filme de Mamoru Hosuda que eu assisti foi “Digimon: O Filme” por volta de 2001-2002. Lembro como adorei aquele filme e até hoje mantenho ele em DVD na minha coleção. O filme tinha tudo que uma criança poderia querer: muita ação, uma história inspiradora e um visual impressionante.  Hoje, oito anos depois, pego o mais recente filme do diretor para ver: Summer Wars.

Kenji Koiso é um menino de 17 anos que acaba indo passar as férias de verão na casa da família de Natsuki Shinohara, uma das garotas mais bonitas da escola e um ano mais velha que Kenji. Durante uma noite, o menino recebe um e-mail estranho cheio de números. Após decifrar o código, o envia de volta. Na manhã seguinte descobre que acabou ajudando um hacker a invadir os servidores de  “OZ”, um mundo virtual que se tornou extremamente popular no mundo e que é usado até por grandes corporações e pelo governo. Kenji acaba sendo acusado pelo crime e cabe a ele e à família de Natsuki se unirem para tentarem acabar com a ameça que está afetando o mundo real.

Essa sinopse que eu escrevi acima pode dar a idéia que Summer Wars nada mais é do que uma releitura do filme de Digimon, mas é muito mais que isso.

O diretor nos apresenta a personagens muito bem construídos e que participam de uma história que é ao mesmo tempo simples e grandiosa. Temos um filme com romance, ação, comédia e valores familiares misturados na medida certa. Para acompanhar o excelente roteiro, o estúdio Mad House fez um excelente trabalho na animação. O minucioso cuidado com os cenários nos deixa muito a vontade com as constantes mudanças de ambiente entre a casa no interior do Japão e o mundo virtual de “OZ”. O excelente character design dá vida e carisma aos excelentes personagens criados por Mamoru.

Porém, o que gostaria de destacar sobre esse filme, é como ele misturou com excelência coisas do passado com o presente e futuro. Para começar, o anime se passa na casa da família Shinohara, uma típica e gigantesca mansão feudal no meio das montanhas. Muito diferente do que estamos acostumados a ver em histórias que se passam no Japão moderno. Também nos é mostrado uma família unida que gosta de estar junta e tem orgulho de suas tradições e de seus antepassados. Mais uma vez um cenário pouco comum na agitada vida moderna da sociedade japonesa onde pais dormem nos trabalhos onde se mata para poder dar uma vida decente para sua família. Outro fator é a união de diferentes gerações. Adultos e crianças lutando juntos em igualdade por um bem maior.

Se isso já não fosse o bastante, a presença do Hanafuda, típico jogo de cartas japonês, exercendo um papel importante na história tanto no mundo real como no virtual veio para selar essa perfeita união entre o antigo e o novo. Em Summer Wars nós vemos que apesar de tudo ainda há lugar para valores tradicionais como união familiar, amor pelo próximo e espírito de luta.

Summer Wars é mais um excelente trabalho do diretor Mamoru Hosuda e é feito para agradar dos mais novos aos mais velhos, no melhor sentido que isso possa ter. Enquanto as crianças viajarão no mundo criado por ele e suas excelentes cenas de batalha, os mais velhos irão perceber a profundidade dos personagens e suas relações. Com certeza este figura entre a lista dos melhores filmes de animação que eu já vi e, se tiverem a oportunidade de assisti-lo, não deixem passar e poderão conferir por vocês mesmos a qualidade desse filme.


O primeiro filme de Mamoru Hosuda que eu assisti foi […]

Ranking da Temporada MBB Anikenkai – 25/04/10

E chegamos novamente naquele dia da semana em que divulgamos como está o Ranking da Temporada de Primavera 2010 de acordo com os membros do MBB Anikenkai.

Apesar das mudanças ocorridas no meio da lista, K-ON!! ainda está na 1ª colocação pela terceira semana seguida. Mas ele que se cuide pois por muito pouco B Gata H Kei não assume o topo. O  quarto episódio de B Gata agradou muito os espectadores com situações engraçadas e bem feitas. Para fechar o topo, Angel Beats assume a 3ª colocação. A mistura de Suzumiya Haruhi com Gantz parece realmente ter caido no gosto do pessoal (em breve um post só sobre essa série).

Working!, que estava em 3º lugar, caiu duas posições e agora está em 6º. O último episódio foi tomado como repetitivo e, consequentemente, cansativo. Porém, é bem provavel que esta seja uma queda de momento e que logo a série deve voltar ao topo. Também na zona intermediária está Ichiban Ushiro no Daimaou, Heroman e Rainbow se mantendo nas mesmas posições, 4º, 6º e 7º respectivamente. Destaque para Giant Killing que entrou no ranking anterior e já está conquistando mais uma posição, ficando empatado com Heroman.

A zona de rebaixamento não mudou em nada mantendo KissXSis, Arakawa Under The Bridge e Hakouki como os menos interessantes da temporada.

Agora vamos ao que interessa:

Ranking MBB Anikenkai – 25/04/10

1º – K-ON!!
2º – B Gata H Kei
3º – Angel Beats (+2)
4º – Ichiban Ushiro no Daimaou
5º – Working! (-2)
6º – Giant Killing (+1) / Heroman
7º – Rainbow
8º – KissXSis (largado)
9º – Arakawa under the Bridge (largado)
10º – Hakuouki (largado)

Até o próximo post.

E chegamos novamente naquele dia da semana em que divulgamos […]

A Grande Surpresa da Temporada

B Gata H Kei é uma série baseada no mangá de mesmo nome escrito por Yoko Sanri e publicado na revista Young Jump da Shueisha desde 2004. Na história, Yamada é uma estudante virgem que aspira ter 100 parceiros sexuais. Só que quando finalmente resolve começar sua grande aventura, ela se vê indo atrás de um único garoto, o tímido Takashi Kosuda.

Com essa sinopse o anime parece ser mais um ecchi genérico dentre tantos outros que estamos acostumados a ver. Porém, foi logo sair o primeiro episódio para começarmos a enxergá-lo com outros olhos.

Yamada não é só uma tarada quer quer fazer sexo a todo custo. Pelo contrário, a personagem é bem mais complexa do que isso. Para começar, ela é linda e tem total consciência disso. Apesar da beleza, ela nunca teve um namorado. Não que ela nunca tenha tido vontade de ter um, mas ela é completamente insegura quando chega na “hora H”. Todas as suas fantasias e vontades sexuais são frutos de uma imaginação bem fértil e não baseadas em experiências.

Uma personagem impulsiva que sabe que é linda e que quer ter 100 parceiros sexuais, mas é completamente ignorante e insegura quando se trata de concretizar esses desejos. As inúmeras situações que uma personalidade dessas pode gerar são potencialmente sensacionais.

Junte a isso excelentes codjuvantes e teremos um anime extremamente interessante de se acompanhar.

O alvo de Yamada, Takashi Kosuda, por exemplo, é um completo bobão. Mas não um bobão idiota, um bobão devido à timidez e inocência. Desde criança Kosuda mora com a irmã mais velha, que é o completo oposto dele. Apesar de também ser virgem, ele sabe como as coisas funcionam e por isso podemos dizer que ele tem mais experiência e controle que a Yamada quando se trata da “hora H”. Botar os dois juntos é pedir pra termos situações engraçadíssimas no decorrer dessa relação.

A peituda e melhor amiga de Yamada, Miharu Takeshita, por sua vez, tem o papel de ser o pé na realidade da nossa heroína. É ela a responsável por não deixar a Yamada sair por aí livre, leve e solta. Ela, diferente da amiga, é uma pessoa normal. Namora há algum tempo com um cara mais velho e é bem feliz sexualmente.

Uma adição recente ao grupo de personagens é a amiga de infância de Kosuda, Mayu Miyano, que aparece como uma rival de Yamada na conquista do rapaz. Miyano é um clichê em pessoa. Um clichê que todos adoramos: Linda, tímida, peituda, burrinha e usa óculos. Porém, muita surpresas podem acontecer com essa personagem. Será que ela gosta mesmo do Kosuda ou é só mais um delírio da Yamada? Assista o anime para descobrir. rs.

É importante também destacar a importante participação de um observador de fora da história. Um observador que está lá, presente no momento, mas não participa diretamente da história, a auto-intitulada Deusa do Sexo da Yamada. Ela faz o papel de narrador e principalmente de interlocutor entre o anime e o espectador. Suas participações sempre geram boas risadas.

Além desses personagens carismáticos e interessantes, B Gata H Kei ainda tem os atrativos de um bom ecchi: peitos, ângulos ousados, pantsu… tudo de bom. O ritmo da narrativa é bem acelerado sendo o anime dividido em situações isoladas graças a origem do mesmo. O mangá é feito de 4-komas, aquelas tirinhas de 4 quadros comuns no japão.

Juntando todos esses fatores com piadas bem colocadas e situações bem engraçadas envolvendo os personagens ficamos com um anime bem divertido de se acompanhar. Ao final de cada episódio você fica na vontade de saber o que virá a seguir. Quais serão os planos de Yamada para conquistar Kousuda? Quais serão as reações dele? E por aí vai.

B Gata H Kei já tem 3 episódios lançados e a previsão é para que tenhamos 13 no total.

B Gata H Kei é uma série baseada no mangá […]

Ranking da Temporada MBB Anikenkai – 18/04/10

Mais uma semana passou e com ela vieram mais episódios dos nossos animes favoritos dessa temporada.

No ranking dessa semana o TOP 3 se manteve intacto com K-ON!! liderando. Os destaques da semana são Angel Beats, que subiu uma posição, Rainbow e Giant Killing, que conquistaram espaço na lista e estão atualmente empatados em 7º lugar.

Sem mais delongas, aí está o Ranking:

Ranking MBB Anikenkai – 18/04/10

1º – K-ON!!
2º – B Gata H Kei
3º – Working!
4º – Ichiban Ushiro no Daimaou
5º – Angel Beats (+1)
6º – Heroman (-1)
7º – Giant Killing (novo)
7º – Rainbow (novo)
9º – KissXSis (largado)
10º – Arakawa under the Bridge (largado)
11º – Hakuouki (largado)

Não deixem de conferir os novos animes listados (Giant Killing e Rainbow) pois se estão na lista, fizeram por merecer. Infelizmente não podemos dizer o mesmo dos últimos lugares do ranking. Os três animes marcados como “largados” foram deixados de lado pela maioria dos membros do MBB Anikenkai. Não são recomendados.

Próximo ranking daqui a uma semana! Não deixe de continuar acompanhando seus animes favoritos!

Até o próximo post!

Mais uma semana passou e com ela vieram mais episódios […]

Quando As Coisas Passam Do Limite

Todos sabemos que os animes nunca estiveram tão presentes em todo o mundo como estão hoje em dia e que é um hobby muito divertido e recompensador de se manter. Porém, infelizmente sabemos também que é um hobby que, em seu país de origem, acaba por ser visto como algo doentio e socialmente repulsivo. Muito desse sentimento é por puro preconceito e falta de conhecimento, mas certos comportamentos de certos otakus japoneses não ajudam na melhoria dessa imagem.

Um exemplo foram os motivos que levaram a Hyogo Kenritsu Nishinomiya Kita High School a postar uma nota em seu site alertando que a invasão da propriedade da escola é crime e que a escola vai começar a registrar queixa na polícia sobre os invasores.

Para quem ainda não entendeu, a escola mencionada acima foi usada como base para a produção do anime Suzumiya Haruhi no Yuutsu do estúdio Kyoto Animation (aka KyoAni). Sim, é exatamente essa escola que é frequentada pelos membros do SOS-Dan. Imagens comparativas como as acima podem ser encontradas no Kanai Sō[email protected] blog.

A escola ainda diz que tirar fotos de seu exterior é uma prática tolerável, mas quando certas pessoas começam a invadi-la em busca de fotos de suas instalações internas, isso se torna crime. Invasão de propriedade privada para ser mais exato, passível de prisão.

Estando em todo o seu direito, é impressionante a escola ter que chegar a esse ponto para os otakus perceberem que estão fazendo algo errado. Não nego que, se eu estivesse no Japão e perto do local também gostaria de conhecer como fã do anime, mas nunca pensaria em entrar na escola sem permissão.

Temos que tomar cuidado com o modo como levamos os nossos hobbys. Sejam eles animes ou qualquer outra coisa. Eles são uma parte importante das nossas vidas sem dúvida, mas nunca devemos exagerar.

Para fechar o post, fiquem com um clip feito pela dubladora da Yuki, Minori Chirara, usando como locação a escola de verdade:

Todos sabemos que os animes nunca estiveram tão presentes em […]

Agora é a vez dos segundinhos

Mais uma semana se passou e, enquanto o MBB Anikenkai ganhava um servidor e um endereço novos, pudemos conferir os segundos episódios dos animes da temporada.

Boa parte das séries conseguiram manter o bom nível que vinham tendo em compensação outras estão quase esquecidas pelos membros do MBB Anikenkai. Vamos ao que interessa:

K-ON!! – Episódio 02

O centro das atenções da temporada não perdeu tempo e tratou logo de melhorar ainda mais! Com o plot das meninas tendo que dar uma arrumação geral no clube pudemos ver situações bem interessantes e engraçadas como a felicidade da Mugi quando em contato com as coisas mais comuns da “distante” classe-média e o caso da guitarra super-rara feita de pau-brasil da professora Sawako.

Na parte técnica, a animação não deixou a desejar mantendo a boa qualidade. Porém, o destaque vai para os belos cenários mostrado no episódio. Que continue assim! Eu adoro cenários!

Working! – Episódio 02

Faz um certo tempo desde que eu vi o primeiro episódio (assisti no pre-release mês passado) e por isso tinha me desacostumado. Porém, logo no começo é feito uma rápida retrospectiva e “tá tudo bem agora”! O episódio em si continua com situações bem engraçadas onde se destaca claramente a androfóbica Mahiru Inami e sua mania de bater em homens.

Não vejo a  hora de sair o 3º episódio onde saberemos (ou não) o que por que diabos a Todoroki carrega aquela espada com ela!

B Gata H Kei – Episódio 02

Esse anime só melhora! Logo no segundo episódio já estamos na piscina? Simplesmente sensacional! A melhor comédia da temporada você encontra em B Gata H Kei. E a coisa só tem a melhorar com a aparição da rival da Yamada! Adorei o uso do clássico combo burra/peituda/óculos para a nova personagem! Prevejo épicas batalhas entre as duas pela conquista do Kosuda!

Outros Animes

Heroman 02 continua clichê, mas um clichê agradável de se ver com ótimas animações e cenário.

Angel Beats 02 deixou o anime ainda mais parecido com Suzumiya Haruhi. Excelente animação com história bem nonsense.

Arakawa Under the Bridge, Hakuouki e KissXSis foram abandonados por boa parte dos membros.

E que venham os terceiros episódios! Semana que vem é semana de decisão no MBB Anikenkai! Quais serão os animes escolhidos? Quais serão abandonados? Eu já sei quais são meus votos! rs.

Até o próximo post!

Avaliação dos segundos episódios dos animes da temporada!

MBBAnikenkai agora é “.com”!!

Isso mesmo, amigos!

Estamos sem posts há cerca de cinco dias porque estávamos preparando o terreno para esse grande passo rumo a dominação do mundo dos animes! O MBBAnikenkai agora é .com!

Agora estamos em um servidor fora do wordpress.com o que nos dá mais liberdade para trabalhar com conteúdos aqui no blog! Aguarde boas novidades para um futuro próximo!

Vou me recolher agora e preparar o mega-post com as impressões dos segundos episódios dos principais animes da temporada!

Até o próximo Post!

Dando um grande passo para seu futuro, o MBB Anikenkai agora é .com!

MBBAnikenkai agora é ".com"!!

Isso mesmo, amigos!

Estamos sem posts há cerca de cinco dias porque estávamos preparando o terreno para esse grande passo rumo a dominação do mundo dos animes! O MBBAnikenkai agora é .com!

Agora estamos em um servidor fora do wordpress.com o que nos dá mais liberdade para trabalhar com conteúdos aqui no blog! Aguarde boas novidades para um futuro próximo!

Vou me recolher agora e preparar o mega-post com as impressões dos segundos episódios dos principais animes da temporada!

Até o próximo Post!

Dando um grande passo para seu futuro, o MBB Anikenkai agora é .com!