A magia nos espera – Little Witch Academia

Eu não sei se adorei ou se amei Little Witch Academia, mas tenho certeza que foi um dos animes que mais gostei de ter assistido em 2015 e, agora que ele estreou no Netflix (e com uma excelente dublagem ainda), acredito ser uma boa hora para falar sobre ele aqui no Anikenkai. E podem ficar tranquilos que sem spoilers!

Little Witch Academia foi um projeto original do, até então, recém fundado estúdio Trigger para o Anime Mirai de 2013. O curta logo conquistou o coração dos espectadores pela sua magia (literalmente, rs) e qualidade técnica. Tanto que foi iniciada uma campanha no Kickstarter para uma sequência. Intitulada Little Witch Academia: The Enchanted Parade, a sequência saiu em Outubro de 2015 e conseguiu pegar tudo que era bom no primeiro curta e melhorar.

O anime nos traz a história de Akko, uma menina comum que, encantada pelos espetáculos “piro-mágicos” da bruxa Shining Chariot quando criança, decide ingressar na Escola de Bruxaria. No primeiro curta, nós acompanhamos os primeiros desafios de Akko em sua jornada para se tornar uma bruxa ao lado de suas amigas Lotte e Sucy, da habilidosa, mas prepotente e aparentemente esnobe, Diana e de sua professora Ursula, até que algo sai errado durante um treinamento e é delas a responsabilidade de resolverem o problema.

little_witch_academia_01

Com apenas vinte e seis minutos para contar uma história fechada, Little Witch Academia nos transporta integralmente para aquele universo. As personagens são tão cativantes e únicas que nos sentimos atraídos para conhecer mais e ver mais. Nenhuma delas parece sem sal e até o design delas é bem distinto e característico.

Gostei como eles retrataram a Akko e suas motivações. Pra ela a magia é algo incrível e espetacular. Ela está ali por vontade própria, diferente de muitas das outras alunas que veio por questões de família, como a própria Diana, que funciona como sua antagonista e rival. As motivações de Akko, especialmente sua adoração por Shining Chariot, são mal-vistas pelas demais bruxas por ser algo besta e até vulgar. Para elas Shining Chariot não é um ídolo, mas sim motivo de chacota. Akko, no entanto, não está nem aí e é bastante decidida a mostrar para as outras que magia não precisa ser apenas algo sério e “nobre”, mas algo literalmente mágico para todos.

Essa dinâmica entre Akko e Diana funciona muito bem nesse primeiro curta e não é a toa que são as duas personagens mais bem trabalhadas. Embora suas motivações e visões de mundo e da magia sejam diferentes, Akko admira a capacidade de Diana em usar magia enquanto Diana, mesmo que sem demonstrar isso publicamente, admira a despreocupação e a impulsividade de Akko.

little_witch_academia_03

The Enchanted Parade pega a história logo em seguida dos eventos do primeiro curta. Agora com quase uma hora para trabalhar a história, a equipe de produção decidiu por sair do escopo da Escola de Bruxaria para apresentar para nós como o resto daquele mundo vê as bruxas e a magia, além de explorar um pouco melhor as demais personagens coadjuvantes, em especial a Lotte.

Akko, Lotte e Sucy causam uma enorme confusão em uma de suas aulas e, como punição, são postas para organizar o anual e tradicional “Desfile das Bruxas”. Porém, esse desfile não tem nada de glamuroso. Pelo contrário. Embora o mundo fora da Escola conviva com as bruxas, sua visão não é lá muito positiva do que acontece por lá. O desfile acaba por ser, na verdade, uma reencenação da época da Caça às Bruxas, onde as bruxas eram capturadas, jogadas e tinham tomates podres tacados em sua direção. Obviamente isso vai contra tudo que a Akko acredita, ainda mais sendo ela uma garota comum que viu a magia da magia. Ela então decide usar a oportunidade para mostrar ao mundo que as bruxas são legais e não um bando de velha caquética comendo sopas de pelo de rato e rabo de lagartixa.

Inevitavelmente as coisas dão errado e novamente as meninas partem para resolver o problema. Sem entregar muito do plot, digo para vocês que o clímax do curta é simplesmente incrível e me deixou na ponta da cadeira. Tanto pela animação ESPETACULAR, algo que não se estende só a esse momento mas a todos os momentos desse filme e do primeiro curta, como também pelo desenrolar dos eventos.

Little Witch Academia Gif 01

O filme foca boa parte de seu tempo também em como a personalidade despreocupada e impulsiva de Akko pode ser problemática. Por causa desse desprendimento, ela não percebe que sua dedicação e vontade de fazer o que acha certo as vezes faz com que ela aja de maneira rude e insensível até mesmo com seus amigos e não a deixa entender quando esses ficam chateados ou discordam de suas ideias. As coisas se complicam a tal ponto que ela acaba afastando Lucy e brigando com Lotte, suas duas melhores amigas.

É aí que ficamos conhecendo um pouco mais do passado de Lotte e até do motivo por ela ser mais caladinha e tímida, enquanto Akko tenta se desculpar por suas atitudes. Lucy tem um papel fundamental nessa parte, sendo ela a responsável muitas vezes por trazer Akko para a realidade, por ser a voz da razão do grupo. Diana também tem um papel importante no desenvolvimento de Akko pois é ela que tira a protagonista de sua zona de conforto e dá uma chacoalhada na menina. Se já não fosse suficiente, ainda somos apresentados a mais três novas personagens, também únicas e interessantes por si só, que não ficam no segundo plano e, muitas vezes, tomam o protagonismo de diversas cenas, especialmente a “delinquente” de cabelos rosas, Amanda.

litte_witch_academia_02

Tanto no primeiro curta quanto em The Enchanted Parade, nós conhecemos um mundo rico, bonito e mágico com personagens interessantes e distintas que podem ser ainda muito exploradas. Porém, mesmo com pouco menos de uma hora e meia de conteúdo, Little Witch Academia faz mais do que muito anime enorme jamais sonhou em fazer. Ele nos deixa vidrados do começo ao fim e dá aquela sensação gostosa, aquele deslumbramento que temos quando vemos, por exemplo, os filmes do estúdio Ghibli. É, não tem outra palavra para definir isso: é Magia.

Little Witch Academia e Little Witch Academia: The Enchanted Parade estão ambos disponíveis no Netflix tanto legendado quanto dublado. Por sinal, repito o que disse na introdução: uma dublagem excelente, então não tenham medo de assistir dessa maneira.


ATUALIZAÇÃO: Em 24 de Junho de 2016, o estúdio Trigger anunciou que uma série para TV de Little Witch Academia está em produção!

Sobre Diogo Prado

Tradutor, podcaster, jornalista, amante de cinema, apreciador de jogos eletrônicos e precoce entendedor de animação japonesa.

Você pode me achar no twitter em @didcart.

Eu não sei se adorei ou se amei Little Witch […]