Sanzoku no Musume Ronja – Primeiras Impressões

Sanzoku no Musume Ronja é o resultado de uma parceria entre o Studio Ghibli e a Polygon Studios. Será que a primeira série para TV do estúdio convenceu?

Não deixem de curtir e assinar o canal para receber todos os novos vídeos além de, claro, deixar seu comentário!

::Script

A primeira coisa que eu notei em Ronja foi que o anime parecia muito com um video-game. Não é de se espantar, afinal, todos os personagens são animados em 3D e inseridos em cenários 2D, belíssimos, diga-se de passagem. Essa combinação é o resultado da parceria entre o mundialmente famoso Studio Ghibli e a Polygon Pictures, responsável pelo recente Sidonia no Kishi.

Embora a animação 3D ainda cause uma certa estranheza, ela está muito competente. Muito graças ao bonito design, mas também aos movimentos bem fluidos. Porém, para mim, ainda falta um pouco de peso nos movimentos, tudo parece suave demais nesse tipo de animação 3D.

No que tange à história, o anime começa bem devagar. Mesmo a estreia sendo um episódio duplo, o plot só aparece realmente nos últimos minutos quando a protagonista vai para a floresta. O resto foi tudo uma grande introdução. Esse ritmo lento é uma característica do estúdio Ghibli, que preza bastante pela contemplação das cenas e situações, algo que funciona bem em filmes, mas que talvez possa ficar um pouco distante da realidade de séries.

Ainda assim, acredito que conseguiram captar bastante o espírito de um conto de fadas, tanto nos cenários e personagens, quanto nos diálogos.

Acredito que estamos diante de um anime que promete ser bastante agradável de se assistir. Talvez um pouco lento para ser acompanhado semanalmente, mas ainda assim leve, inocente e muito bonito.

Sobre Diogo Prado

Tradutor, professor, host do Anikencast, apaixonado por quadrinhos, apreciador de jogos eletrônicos e precoce entendedor de animação japonesa.

Você pode me achar no twitter em @didcart.

Sanzoku no Musume Ronja é o resultado de uma parceria […]