A transformação no guarda-roupa da Ogiue e os comentários da Saki

A Copa do Mundo com certeza está tirando o pouco tempo que eu tinha para postar aqui no blog, mas vamos tentar amenizar um pouco isso hoje.

Eu sou um leitor antigo do blog OGIUE MANIAX. Achei o blog quando estava para ser lançada a segunda temporada de Genshiken em anime e eu já tinha acabado de ler o mangá. Encontrei-o quando procurava mais sobre Genshiken e, principalmente, mais sobre a minha personagem feminina preferida, Ogiue Chika. Desde então me tornei fã do cara e de suas análises a respeito da série e de anime e mangá em geral. Sendo, incluisve, uma das minhas inspirações no jeito de escrever. É de autoria dele a observação inicial que motivou esse post. Lembrando que a devida autorização para uso do material foi concedida a mim pelo autor do blog.

Desde que acabei de ler Genshiken e passei a analisar a série e seus personagens, percebi que a história só aconteceu por causa de um único elemento, Saki Kasukabe. Ela não era uma otaku e estava ali pois seu novo e bonito namorado era, infelizmente para ela, um otaku. Como eu já havia elucidado nesse post, Saki era um elemento de oposição que não podia ser evitado pelos demais. Eles tinham que conviver juntos. Obviamente, em muitos momentos ela expressava sua opinião e suas idéias a respeito do grupo e vice-versa. Essa convivência diária motivou as mudanças e o desenrolar da história juntamente com o desenvolvimento e crescimento dos personagens como pessoas.

Um exemplo bem interessante, e que evidência a habilidade narrativa e o quão cuidadoso Kio Shimoku foi na criação do universo de Genshiken e de seus personagens, é a mudança pela qual passou a personagem Ogiue por causa de um comentário da Saki.

No início do volume 5, a Saki faz um comentário a respeito do visual masculinizado e largado da Ogiue dizendo que se ela vestissem roupas que combinassem mais com ela ficaria muito mais bonita. A conclusão do capítulo é o resultado das aventuras desastrosas da Ogiue pelo mundo da moda, porém, no decorrer dos capítulos seguintes até a conclusão do mangá, vemos que ela continuou a tentar melhorar sua aparência e renovar seu guarda roupa. Isso não é algo que percebemos de imediato e é uma mudança que, se não prestarmos atenção, passa facilmente batida. Ela é sem dúvida mais marcante após o início do namoro entre Ogiue e Sasahara. Ela passou a usar roupas mais femininas e que combinavam melhor com seu corpo, culminando com o visual escolhido por ela para a festa de formatura do Sasahara, onde vemos a personagem de saia pela segunda vez em toda a série.

Essa mudança, é só mais um dos fatores que demonstram o crescimento da personagem e a aceitação de ser quem é e da superação dos traumas da infância que ainda a perseguiam quando apareceu pela primeira vez no Genshiken.

Genshiken ainda me fascina até hoje. Ainda existem muitas coisas a serem exploradas por mim e muita coisa pode se tirar a respeito do mundo otaku através dele.

Obs: Não deixem de visitar o OGIUE MANIAX, excelentes textos, porém, só em inglês.

Sobre Diogo Prado

Tradutor, professor, host do Anikencast, apaixonado por quadrinhos, apreciador de jogos eletrônicos e precoce entendedor de animação japonesa.

Você pode me achar no twitter em @didcart.

A Copa do Mundo com certeza está tirando o pouco […]